Share Button

A vida das celebridades nem sempre é fácil, e nem toda a sua fama ou dinheiro podem salvá-los de acidentes trágicos ou doenças fatais. Alguns vão embora no auge da carreira, outros após uma longa vida ou ainda de forma inesperada e precoce, pegando todos de surpresa.

Abaixo você confere 10 atores que tiveram papeis marcantes no cenário pop/geek e já partiram para o outro mundo, e que provavelmente você não sabia (a maioria não teve grande repercussão na imprensa).

Andy Whitfield – Spartacus

Andy Whitfield, mais conhecido pelo personagem Spartacus na série de mesmo nome no canal Starz, tinha tudo para alcançar um enorme sucesso em Hollywood. No entanto, antes do ator galês poder continuar seu trabalho na segunda temporada da série, foi vítima da doença Linfoma não-Hodgkin. Em 11 de setembro de 2011, 18 meses após a descoberta do câncer, o ator veio a falecer aos 39 anos. Whitfield deixou sua esposa e seus dois filhos. O ator Liam McIntyre, de 29 anos, foi escolhido como sucessor na série Spartacus.

Bill Bixby – O Incrível Hulk

Wilfred Bailey Everett “Bill” Bixby III, é sobretudo lembrado no mundo pop/geek pelo seu papel como Dr. David Bruce Banner na série “O Incrível Hulk” entre 1978 a 1982, embora o papel de Hulk tenha sido interpretado pelo fortão Lou Ferrigno. Bixby morreu em 1993, aos 59 anos, de câncer na próstata.

Harold Ramis – Os Caça-Fantasmas

Harold Ramis, mais conhecido como o personagem Egon Spengler, nos dois filmes clássicos dos “Os Caça-Fantasmas”, faleceu em 24 de fevereiro de 2014 em decorrência de um tipo raro de vasculite autoimune, que provoca o inchaço de vasos sanguíneos.

Lynne Thigpen – Carmen Sandiego

Nos primeiros jogos da série “Carmen Sandiego” havia o personagem “O Chefe” (The Chief, no original), um homem misterioso que dava dicas importantes aos detetives. Com a estreia do game show infantil “Where in the World is Carmen Sandiego?” em 1991 (não confundir com o desenho animado), uma nova “Chefa” foi apresentada, interpretada pela atriz Lynne Thigpen, que era bem visível e com uma personalidade definida. Ela também apareceu como a personagem em alguns dos jogos da franquia. Morreu em 12 de março de 2003, de hemorragia cerebral, aos 54 anos.

Richard Attenborough – Jurassic Park

Com uma carreira desde a década de 40, o ator britânico é lembrado pelo mundo geek pelo papel de John Hammond nos dois primeiros “Jurassic Park”, de Steven Spielberg. Attenborough faleceu em 24 de agosto de 2014, aos 90 anos, vítima de doença cardíaca,  apenas cinco dias antes do seu 91º aniversário.  No filme “Jurassic World”, de 2015, há várias referências ao seu personagem.

Richard Griffiths – Harry Potter

Outro ator britânico, mais conhecido por dar vida ao irritante tio de Harry Potter, Valter (Vernon) Dursley, um homem bruto e antipático, reconhecido por sua obesidade e por seu grande bigode, que odeia o mundo dos bruxos. Griffiths também foi um ator de teatro que ganhou muitos prêmios de prestígio, como o Tony Award pelo seu papel em The History Boys. Infelizmente, morreu em 28 de março de 2013, aos 65 anos, de complicações após cirurgia cardíaca.

Thuy Trang – Power Rangers

Thuy Trang era a Ranger Amarela original na clássica série dos Power Rangers nos anos 90. Infelizmente, Thuy morreu em um acidente de carro em 3 de setembro de 2001. A atriz e modelo Angela Rockwood estava no mesmo carro, e apesar de sobreviver ao acidente, ficou paralisada no tronco, braços e pernas.

Trevor Goddard – Mortal Kombat

Goddard é lembrado pelo público gamer como o personagem Kano no primeiro “Mortal Kombat”, de 1995. Ele morreu em 7 de junho de 2003 aos 40 anos, devido a uma overdose/mistura de heroína, cocaína, temazepam e vicodin. Como o ator estava passando por um divórcio, a hipótese de um suicídio foi levantada, mas nunca confirmada.

Wendie Jo Sperber – De Volta Para o Futuro

Wendie Jo Sperber, que ficou conhecida como a irmã de Marty McFly na trilogia “De Volta Para o Futuro”, faleceu em 2005 ao perder a sua batalha de 8 anos contra o câncer de mama, aos 43 anos.

Tony Burton – Rocky

Burton era conhecido principalmente por atuar nos seis primeiros filmes da franquia “Rocky: O Lutador”, estrelada por Sylvester Stallone. Ele interpretava Duke, o treinador de Apollo Creed e depois do próprio Rocky Balboa. Ele morreu aos 78 anos em 25 de fevereiro de 2016 na Califórnia (antes da estreia de “Creed: Nascido para lutar”, último filme da franquia), após estar doente por um ano, devido à complicações após pneumonia, num hospital em Menifee, Califórnia.