Share Button

Depois que a E3 2020 foi cancelado devido a pandemia do novo coronavírus, a ESA, entidade que cuida do evento, disse que realizaria junto com os expositores uma “experiência online” para que eles pudessem mostrar suas novidades. Nesta terça-feira, no entanto, ela anunciou que não fará mais isso e focará em promover os eventos individuais de cada produtora.

“Dada a ruptura provocada pela pandemia de COVID-19, não apresentaremos um evento online da E3 2020 em junho. Em vez disso, trabalharemos com expositores para promover e exibir anúncio de empresas individuais, inclusive em www.E3expo.com, nos próximos meses,” disse um representante da ESA ao site PC Gamer. “Estamos ansiosos para reunir nossa indústria e comunidade em 2021 para apresentar uma E3 reimaginada que destacará novas ofertas e emocionará nosso público,” concluiu.

Isso significa que embora a ESA não planeje mais realizar uma E3 digital, por assim dizer, tentará ajudar as produtoras na divulgação de seus próprios eventos. A Microsoft já se adiantou e disse que todos os seus eventos serão digitais até julho de 2021, mas ainda não sabemos se isso irá impactar sua presença na E3 do ano que vem.