Share Button

Capitão América: Guerra Civil” estreou de forma espetacular nos cinemas dos Estados Unidos nesta última sexta-feira (uma semana depois que no Brasil), arrecadando mais de US$ 181 milhões e estabelecendo a maior bilheteria de fim de semana de estreia de 2016, desbancando “Batman vs Superman” (US$ 166 milhões).

Apesar da excelente renda, o número ficou abaixo da expectativa da Marvel, que era de US$ 200 milhões. O número também registra para a empresa a quinta maior bilheteria de todos os tempos nos EUA, atrás apenas de “Star Wars: O Despertar da Força” (US$ 248 milhões), “Jurassic World” (US$ 208 milhões), “Os Vingadores” (US$ 207,4 milhões) e “Os Vingadores: Era de Ultron” (US$ 191,3 milhões).

O filme já ultrapassou a renda total do primeiro filme da série, “Capitão América: O Primeiro Vingador”, que arrecadou US$ 176,6 milhões em 2011, e deve ultrapassar também o segundo filme da franquia, “Capitão América 2: Soldado Invernal” (US$ 259 milhões).

A nível mundial o longa já ultrapassou os US$ 675 milhões (com a receita americana incluída) e graças a essa arrancada, a expectativa é que o filme supere facilmente a cobiçada marca de US$ 1 bilhão em bilheteria em breve.

A Disney começou o ano muito bem, após o sucesso de “Star Wars: O Despertar da Força”, engatou “Guerra Civil” e ainda conta com os filmes “Zootopia”, que atualmente alcançou a marca de US$ 956 milhões e “Mogli: O Menino Lobo”, com US$ 776 milhões.

Já o rival “Batman vs Superman” conquistou um faturamento mundial de US$ 865 milhões, o segundo maior do ano – leia nossa matéria comparando BvS e Guerra Civil.