Share Button

Antes do lançamento do Nintendo Switch, havia jogadores que não estavam botando tanta fé no console, e isso incluiu um dos principais executivos da indústria no Japão. Em uma entrevista para a Bloomberg, o chefe da Pokémon Company Tsunekazu Ishihara chegou a falar para a Nintendo que o console não vingaria, mas que agora, com o videogame sendo difícil de encontrar nas lojas japonesas (o console está vendendo muito bem por lá) ele admitiu o erro inicial.

“Eu conversei com a Nintendo que o Switch não seria um sucesso antes dele começar a ser vendido porquê pensei que, por estarmos na era dos smartphones, ninguém carregaria por aí um console.

É óbvio que eu estava errado. Percebi que a chave para um game de sucesso é bem simples: o software com qualidade absoluta lidera as vendas de marketing. O estilo de jogo pode ser flexível se o software for bem atrativo”.

Ou seja, provavelmente ele está se referindo ao The Legend of Zelda: Breath of the Wild, que fez um enorme sucesso e foi aclamado pela imprensa especializada e pelos jogadores, o que aumenta o interesse dos jogadores. Só que o executivo ainda mantém uma certa cautela quanto ao console:

“Atualmente, ele está popular entre os jogadores que compram na época do lançamento e precisa ter mais um passo para atrair um público mais amplo”, comentou. “Eu vejo mais potencial no Switch, mas não deve superestimar o seu potencial”.

Na entrevista, o executivo também detalhou o andamento do jogo da franquia Pokémon pro console, ainda mais por conta do jogo ter se tornado uma das principais apostas para aumentar ainda mais as vendas do aparelho.

“Nós vemos [o Switch] como uma chance de criar um jogo da série Pokémon que vai mais a fundo e que tem um nível maior de expressão. Como resultado, isso torna uma plataforma extremamente importante.

Neste momento estamos usando de 7 a 8 polegadas, mas em uma TV de alta definição você pode mostrar um mundo totalmente diferente com visuais e som. Até agora, os jogos eram feitos para 1 pessoa, mas agora você pode ir para casa e jogar com todo mundo [família, amigos] – então como abordamos esse tema, e como nós nos certificamos que isso não será complicado?

Diferente dos smartphones, o Switch não é um videogame que precise de internet constantemente. Então da nossa perspectiva, isso realmente não é tão diferente do DS ou o 3DS em questão de conectividade”

Pokémon será lançado para o Nintendo Switch em 2018. Mas pode ser que o jogo demore mais tempo para ser lançado. Por hora teremos de esperar por outras novidades.