Share Button

Foi anunciado pela Sony e Activision que Crash Bandicoot N. Sane Trilogy chegará para PS4 no dia 30 de junho. A coletânea, contendo as “remasterizações AAA” de Crash BandicootCrash Bandicoot 2: Cortex Strikes BackCrash Bandicoot: Warped, já está em pré-venda na PS Store por R$ 179,90.

Assista ao trailer com o anúncio da data de lançamento (via IGN):

No PlayStation Blog, a produtora Vicarious Visions divulgou várias perguntas e respostas a respeito do game, que você pode conferir abaixo:

Por que vocês esperaram até agora para nos contar?

Para te torturar!

Não, sério, do nosso ponto de vista, é mais sobre ser confiante em um cronograma que nos permita entregar qualidade. Queríamos ter certeza que tudo estava alinhado para esta entrega antes de anunciá-la. Às vezes demora um pouco para saber dessas coisas.

— (Kara Massie, Produtora)

O que mudou dos jogos originais na arte ambiental?

Essa é uma excelente pergunta e algo que trabalhamos bastante para melhorar. A adição de luz em tempo real em uma engine baseada em física, junto à aumentos no tamanhos das texturas, as vezes faz nossos ambientes parecerem diferentes dos originais.

Geralmente, apesar de tentarmos recriar cada nível para que pareça o máximo possível com o original, nós também queremos que os níveis sejam divertidos, coloridos e sejam bem interpretados em um jogo de ação rápida, tudo isso levando em conta a nova tecnologia que estamos usando.

— (Dustin King, Chefe de Arte)

Qual foi seu nível favorito para fazer arte e por que?

Eu tenho curtido trabalhar em níveis pré-históricos, e os acho uma boa causa para reinterpretação. Conforme comecei a trabalhar neles, descobri que adicionar mais verde ajuda a trazer um look mais terrestre e pré-histórico que nos remete às ilustrações dos livros de dinossauro que eu tanto amava quando era criança. Eu também decidi que o caminho é mais um pântano raso, já que um poço de piche desaceleraria o jogador.

Eu gosto de contrastar elementos familiares como terra, fogo, água e plantas, e foi muito divertido tentar misturar todos esses elementos de forma efetiva.

— (Aaron Trulson, Artista de Ambiente)

Meu nível favorito para trabalhar foi o Future Frenzy. Esse nível estava lotado de luzes, sinais e todos os formatos futurísticos. Foi muito divertido fazer cidades parecerem vivas, com todos os sinais de neon e luzes piscantes. Fazer com que os reflexos dos prédios parecessem certos deu um trabalhão para o time de engenharia, mas estou muito empolgado com o resultado.

— (Jeffrey Lee, Artista de Ambiente)

Meus níveis favoritos que fiz arte para são Deep Trouble e Under Pressure. Esses níveis sub-aquáticos são cheios de plantas marítmas exóticas e coloridas que trazem vida a todo um ambiente. Gostaria de dar mais profundidade a esses níveis, então fique atento para um oceano bastante cheio.

— (Andrew Lee, Artista de Ambiente)

O Crash N. Sane está vestindo shorts, jorts ou jeans?

Nossa, tive que procurar o que significa “jorts”! Nossa versão de Crash está vestindo shorts de surf, que sentimos que tem uma leitura de formatos, cores e texturas muito mais próximas do jogo original, e está alinhado com a arte conceitual concedida pela Sony que usamos desde o início de tudo. Também achamos que ele combina com sua personalidade anos 90.

— (Dustin King, Chefe de Arte)

Quem são os atores de voz?

  • Fred Tatasciore (Dingodile, Koala Kong, Komodo)
  • Debi Derryberry (Coco, Tawna)
  • Greg Eagles (Aku Aku)
  • Dwight Schultz (Papu, Lab Assistant)
  • Maurice LaMarche (Nitrous Brio, Lab Assistant)
  • John DiMaggio (Uka, Tiny Tiger)
  • Jess Harnell (Crash Bandicoot, Pinstripe Potoroo, Ripper Roo)
  • Corey Burton (Doctor N. Gin, Doctor N. Tropy, Baby Cortex)
  • Lex Lang (Dr. Neo Cortex)

Porque vocês refizeram a trilha sonora ao invés de reutilizar a original?

Estamos recriando as composições originais para alinhá-las às altas definições visuais e demais atualizações estéticas. A música original foi composta brilhantemente, e foi criada para utilizar ao máximo a memória e poder de processamento do PlayStation original. Com recursos expandidos, podemos melhorar muito a qualidade do som e fidelidade, sem deixar de ser fiéis às composições originais.

— (Justin Joyner, Chefe de Áudio)

Remasterizado ou refeito? É um remake, não é? É total um remake. Por favor nos tire essa dúvida.

Essa é uma remasterização AAA. Estamos dando a atenção e amor que damos a todos os nossos jogos AAA. Estamos construindo o jogo usando a geometria e níveis originais, para que a jogabilidade seja o mais próximo da original possível. Estamos também nos referindo a isso como um remaster plus, já que estamos adicionando novos elementos que achamos que os fãs vão amar!

— (Dan Tanguay, Diretor)

Você viu minha ideia? Você leu nosso tópico / assistiu nosso vídeo / recebeu minha carta?

Nós realmente checamos tudo online aqui e ali, e lemos todas as nossas cartas. Mas, honestamente, estamos realmente ocupados. Você viu aquela data? Está chegando em breve. Como vocês, somos grandes fãs de Crash, e sentimos que estamos cuidando muito bem do que sabemos ser precioso para vocês. Há tanto a explicar, e nós explicaremos, em seu devido tempo. Por hora, saibam que amamos vocês e que amamos e apreciamos as palavras gentis e o suporte.

— (Kara Massie, Produtora)