Share Button

Nas últimas semanas a PlayDead e a ID Software removeram do Inside e do Doom o sistema ant-pirataria Denuvo, considerado por muito tempo o sistema anti-pirataria mais eficaz da indústria, mas que chegou a ser quebrado em meados de agosto, reiniciando a guerra entre os crackers e as produtoras na proteção de seus jogos. A retirada do sistema no Doom fez surgir diversas especulações, com uma delas onde a empresa anti-pirataria poderia reembolsar a produtora caso um jogo tenha sido destravado em uma determinada janela de tempo.

Com isso, a Denuvo veio a público esclarecer as coisas. Segundo o Kotaku, o sistema anti-pirataria foi removido “por conta de ter atingido o objetivo do Doom ter ficado protegido durante a janela inicial de vendas”. O co-fundador da Denuvo Robert Hernandez comentou ao site que “a proteção no Doom durou pelo menos 4 meses, o que é uma conquista impressionante para um jogo de alto nível”

Ele também comentou que não é verdade o rumor sobre o reembolso. “Nós não comentamos as nossas negociações com produtoras específicas, mas não temos nenhuma regra em oferecer reembolso em caso de um jogo ser destravado em uma janela de tempo específica. Entretanto, cada produtora está livre para remover o nosso sistema anti-pirataria de seu jogo quando a proteção atinge um objetivo específico da janela de vendas iniciais, ou a produtora tenha outras razões, como vender o seu jogo em plataformas livres de DRM”.

Após um período onde as defesas do Denuvo eram impenetráveis, os crackers começaram a destravar o sistema, onde diversos jogos tiveram as suas proteções quebradas. O Rise of The Tomb Raider teve cerca de 193 dias de proteção no PC até ele ser destravado, enquanto que a proteção contra o Inside só durou 6 semanas.

Aquele negócio: por mais que os jogos tenham sido destravados, a guerra sempre irá continuar entre as produtoras e os crackers, com novas versões mais protegidas do Denuvo em novos jogos que adotem esse sistema. Com a janela inicial de vendas protegida acaba ajudando as produtoras, mas muita gente nem compra os jogos no início, ou esperando sair a versão pirata, ou esperando o preço abaixar, para comprar o jogo em uma promoção. Se o jogo não vende muito no começo de sua vida útil, ele acaba ganhando reduções no varejo, mas dependendo da época do ano o jogador já fica esperto, ainda mais com as promoções do Steam.