Especiais

DLSS: jogos que usam a incrível tecnologia da Nvidia

Confira a tecnologia de renderização por inteligência artificial

Além de produzir as placas de vídeos mais poderosas da atualidade, a NVIDIA também traz uma série de tecnologias em software que permitem o máximo aproveitamento dos seus hardwares. Nesse sentido, tecnologias como o Ray Tracing vieram para revolucionar o mundo dos games, proporcionando visuais dignos de cinema, mas exigindo muito das placas gráficas e, consequentemente, reduzindo o FPS (frames por segundo) em muitos jogos. Assim, o DLSS, ou Deep Learning Super Sampling, chega para permitir máxima qualidade visual ao mesmo tempo que mantém altas taxas de FPS.

O que é o DLSS?

Antes de mais nada, o DLLS é uma tecnologia de renderização por inteligência artificial que aumenta o desempenho usando processadores de AI Tensor Core dedicados em placas de vídeo RTX. Dessa forma, aproveitando o poder da rede neural, o DLSS renderiza a imagem em uma resolução mais baixa e a aumenta depois. Como resultado, temos uma imagem nítida e ganho na taxa de frames por segundo.

Atualmente, o DLSS conta com três modos: “Qualidade”, “Balanceado” e “Desempenho”. Há a possibilidade de alternar entre eles, permitindo encontrar a melhor experiência dependendo do seu hardware. O modo “Qualidade”, como o próprio nome diz, prioriza qualidade gráfica ao desempenho. Em contrapartida, o modo “Desempenho” prioriza altas taxas de quadro por segundo. Por fim, o modo “Balanceado” oferece o melhor dos dois mundos, oferecendo um ganho de desempenho e qualidade intermediários.

Em seguida, confira alguns jogos que contam com o recurso DLSS e veja as comparações.

Cyberpunk 2077

Lançado em setembro de 2020 , o jogo recebeu diversas críticas pelos bugs. Porém, a CD Projekt, desenvolvedora do jogo, está trabalhando em atualizações e promete deixar o jogo totalmente corrigido. Nesse sentido, o jogo já recebeu diversas correções desde seu lançamento.

DLSS Cyberpunk 2077

Ainda assim, a parceria com a NVIDIA trouxe um dos resultados mais impactantes quando o assunto é DLSS. O ganho de FPS é incrível quando se habilita o recurso e o jogo acabou se tornando uma das vitrines do Ray Tracing.

Minecraft com RTX

Lançado originalmente em 2011 pela Mojang Studios, a atualização para as placas de vídeo RTX em parceria com a Microsoft trouxe um resultado estonteante.

DLSS Minecraft RTX

Os visuais com Ray Tracing dão outra cara ao jogo e a tecnologia DLSS eleva a taxa de quadros por segundo à níveis impressionantes – a história do jogo Minecraft é dividida em antes e depois do Ray Tracing e DLSS.

Fortnite

Lançado em julho de 2017 pela Epic Games, Fortnite se tornou um fenômeno mundial em pouco tempo e está entre os jogos que receberam atualização para as tecnologias RTX e DLSS.

DSLL Fortnite

Com a tecnologia, é possível abusar do Ray Tracing de forma que o desempenho não seja prejudicado. Como resultado, temos um belíssimo gráfico com uma alta taxa de quadros por segundo.

Call of Duty: Black Ops – Cold War

O ultimo lançamento da franquia, desenvolvido pela Treyarch e lançado no final de 2020, também entrou na lista de jogos com as mais recentes tecnologias da NVIDIA.

A atualização disponibilizada em novembro de 2020 trouxe o DLSS, que proporciona um ganho que chega a superar 100% na taxa de quadros por segundo. Você pode conferir mais imagens aqui.

Watch Dogs: Legion

No mais recente título da franquia, o NVIDIA DLSS acelera as taxas de frames em até duas vezes em 4K. O jogo se tornou uma das vitrines do Ray Tracing com seus gráficos impressionantes, inclusive sendo oferecido aos compradores de placas RTX série 20.

DLSS Watch Dogs

Além disso, no novo modo Ultra Perfomance, é possível jogar o título da Ubisoft em 8K se você for o feliz dono de uma RTX 3090.

The Medium

O survival horror desenvolvido pela Bloober Team é um exclusivo Microsoft e é aclamado pela crítica e público. Bebendo da fonte de Resident Evil e Silent Hill, o jogo conta a história de Marianne que busca respostas sobre seu passado.

DLSS The Medium

Em janeiro desse ano, o jogo ganhou compatibilidade para Ray Tracing e DLSS. A NVIDIA promete melhoras de desempenho de até 100% com o uso da tecnologia e sem perder qualidade gráfica.

Death Stranding

A ultima criação do gênio Hideo Kokima, Death Stranding foi lançado em 2019 e já trazia gráficos incríveis nos consoles. Com uma temática apocalíptica e uma forte analogia às interações sociais, o jogo dividiu a opinião da crítica e do público.

DLSS Death Stranding

Recentemente, o jogo foi lançado para Microsoft Windows e pode aproveitar todos os benefícios do Ray Tracing e DLSS. Ao utilizar a tecnologia, o jogo é capaz de chegar a mais de 100 FPS em suas configurações máximas em todas as placas de vídeo GeForce RTX. No modo “Qualidade”, o jogo teve uma melhoria de desempenho de até 49%, enquanto no modo “Desempenho”, as melhorias alcançaram impressionantes 92%. Assim, é possível rodar o jogo a mais de 60FPS em 4K numa RTX 2060, placa de entrada da linha RTX.

Control

Considerado um dos melhores jogos de 2019, o jogo sempre foi uma vitrina gráfica e técnica, contando com um incrível level design e uma física aprimorada.

DLSS Control

Em 26 de março de 2020, o título da Remedy recebeu a atualização que adiciona o DLSS 2.0 ao game, que proporcionou melhorias gráficas de até 76% no modo “Qualidade”. Por outro lado, o modo “Desempenho” permite que até mesmo a RTX 2060 rode o jogo em configurações máximas acima dos 60FPS.

Wolfenstein: Youngblood

Lançado em 2019, o jogo desenvolvido pela parceria entre MachineGames e Arkane Studios se passa logo após os eventos do aclamado Wolfenstein II: The New Colossus.

DLSS Wolfenstein

Em janeiro de 2020, a atualização que garante acesso às novas tecnologias da NVIDIA foi lançada. Enquanto o Ray Tracing oferece toda a fidelidade visual, o DLSS permitiu um ganho considerável de desempenho, mantendo o jogo com altas taxas de quadros por segundo.

MechWarrior 5: Mercenaries

Mechwarrior 5: Mercenaries é o primeiro jogo da franquia desde 2002. Desenvolvido pela Piranha Games, foi lançado em dezembro de 2019 para Microsoft Windows.

DLSS Mechwarriors

Com as melhorias oferecidas pela tecnologia DLSS, os jogadores com uma RTX podem desfrutar das configurações máximas com ganho de 30 a 75%. O poder do DLSS dá aos jogadores um aumento de desempenho gratuito, permitindo uma qualidade de imagem comparável à resolução nativa ao mesmo tempo que entrega toda a beleza do Ray Tracing.

Anthem

O RPG multijogador desenvolvido pela Bioware causou grande expectativa no mundo gamer. Publicado originalmente em fevereiro de 2019, o jogo foi punido pelo seu lançamento apressado, com diversos problemas de carregamento e no servidor. Após algumas correções, o jogo também recebeu a tecnologia DLSS.

DLSS Anthem

Graças á tecnologia, é possível jogar Anthem facilmente em 4K a 60FPS. As melhorias de desempenho do jogo são notáveis, chegando a mais de 20% no modo “Desempenho”.

Mount & Blade II: Bannerlord

O jogo de ação medieval da TaleWorlds Entertainment foi bem recebido pelo público e pela crítica. Lançado em março de 2020, o jogo recebeu suporte à tecnologia DLSS em fevereiro desse ano.

DLSS Mount & Blade

Os ganhos no jogo são significativos e a NVIDIA promete o dobro de taxa de quadros no jogo rodando em 4K, dependendo do hardware utilizado. As imagens foram feitas usando uma RTX 2060, placa de entrada da série.

Pumpkin Jack

No jogo de plataforma 3D desenvolvido pela Headup Games, você incorpora Jack, o Mítico Lorde Abóbora. Lançado em outubro de 2020, no jogo a sua missão é aniquilar o Bem.

DLSS Pumpkin

Em outubro de 2020, o jogo recebeu suporte à tecnologia Ray Tracing e DLSS. Em homenagem ao Halloween, o aumento da qualidade gráfica é de outro mundo. Pumpkin Jack é um grande exemplo de como o Ray Tracing e o DLSS podem melhorar significativamente a qualidade gráfica de títulos até mais simples.

Moonlight Blade

O MMORPG da TenCent Games é um bom exemplo das melhorias gráficas que as tecnologias trazem até pra jogos mais antigos. Lançado em 2015, o game recebeu recentemente a atualização para Ray Tracing e DLSS.

DLSS Moonlight

Com os efeitos de iluminação melhorados, o visual do jogo é outro. Enquanto as melhoras de desempenho devido DLSS mostram todo o poder da tecnologia da NVIDIA.

Enlisted

O MMO de tiro em primeira pessoa desenvolvido pela Darkflow Software reconstrói algumas das famosas batalhas da Segunda Guerra Mundial. O jogo entrou em Beta Aberto recentemente e as melhorias de desempenho devido ao DLSS são notáveis.

DLSS Enlisted

As imagens foram feitas numa RTX 2080 e mostram uma melhoria de cerca de 30% na taxa de quadros por segundo.

Deliver Us The Moon

O suspense espacial desenvolvido pela KeokeN Interative ganhou o coração do público rapidamente. O thriller conta com jogabilidade e desafios simples, mas um enredo envolvente: num futuro próximo, a Lua é a última esperança da humanidade.

DLSS Deliver us the Moon

Deliver Us the Moon recebeu os três modos de DLSS, permitindo com que o jogador escolha o melhor para seu hardware. Usando a tecnologia, é possível rodar o game em 4K com uma RTX 2060 em uma aceitável taxa de frames por segundo – você pode conferir mais imagens aqui.

Justice

Um dos MMO’s mais populares da China foi um dos primeiros jogos a receber as tecnologias Ray Tracing e DLSS. Assim, os jogadores podem deslumbrar toda a beleza das armaduras, armas e paisagens do jogo com desempenho máximo.

DLSS ON/OFF JUSTICE

O DLSS traz um significativo aumento de cerca de 40% no desempenho. Dessa forma, melhora a qualidade da imagem e traz um anti-aliasing mais estável em comparação ao TAA (anti-aliasing temporal) habitualmente usado.

Crsed: F.O.A.D.

O Battle Royale da Darkflow Studio, conhecido antigamente como Cuisine Royale, foi lançado em 2019 e conta com armas realistas, elementos de forças místicas e superpoderes. A receita já havia conquistado milhões de jogadores desde seu lançamento.

DLSS Crsed

Agora, adicione à isso as tecnologias gráficas da NVIDIA e você terá até 40% de aumento desempenho jogando em 4K. Além disso, o DLSS permite que o jogo rode acima de 90FPS em qualquer placa GeForce RTX.

War Thunder

Ambientado na Segunda Guerra Mundial e na Guerra Fria, o simulador de combates aéreos, navais e blindados foi lançado em 2012, recebendo boa recepção do público e se tornou extremamente popular.

DLSS War Thunder

A inclusão da tecnologia DLSS melhorou o desempenho do jogo em até 30% na resolução 4K. Usando os requisitos recomendados e qualquer placa da linha RTX, é possível rodar o jogo acima da marca de 100 frames por segundo.

Metro Exodus

Lançado em 2019, o survival horror de tiro em primeira pessoa arrasta uma legião de fãs. Desenvolvido pela 4A Games, o jogo conquistou excelentes avaliações de público e crítica.

DLSS Metro Exodus

O jogo foi lançado já com as tecnologias da NVIDIA e mostra gráficos impressionantes com as GeForce RTX. Além disso, a desenvolvedora já confirmou que o jogo contará com a atualização para DLSS 2.0 em sua versão Enhanced Edition, que deve chegar ainda esse ano.

Battlefield V

Lançado em novembro de 2018, o quinto jogo da famosa franquia desenvolvida pela DICE rapidamente recebeu atualizações para Ray Tracing e DLSS.

DLSS BF:V

Graças à tecnologia, é possível habilitar o Ray Tracing nas configurações e resoluções mais altas do jogo, sem perder desempenho por isso. Com uma RTX 2080 Ti, como nas imagens, é possível rodar o jogo em 4K com a qualidade Ultra.

Final Fantasy XV – Windows Edition

Uma das mais famosas franquias de RPG da história dos jogos não ficou de fora da beleza proporcionada pelo Ray Tracing. A edição de Windows de Final Fantasy XV chegou em março de 2018 e poucos meses depois já contava com os milagres da NVIDIA.

DLSS FF XV

Com uma RTX 2080 Ti, é possível atingir marcas acima dos 60FPS em 4k sem precisar diminuir a qualidade dos gráficos. As imagens trazem uma comparação entre a GTX 1080 Ti e a RTX 2080 Ti.

Monster Hunter: World

Lançado no início de 2018, o jogo desenvolvido e publicado pela Capcom se tornou sucesso mundial, sendo elogiado em praticamente todos os reviews possíveis. A versão para PC chegou em agosto do mesmo ano, enquanto em julho de 2019 o jogo ganhou as atualizações para DLSS.

DLSS MH:W

Com DLSS, o ganho de desempenho no RPG de ação chegou a 50% em 4K. Antes da adição da tecnologia, era impossível rodar o jogo a 60FPS com o pacote de texturas em alta resolução nas configurações máximas. Já com a tecnologia, a RTX 2080Ti alcança a incrível marca de 70 quadros por segundo.

Nioh 2

Lançado em 2020, Nioh 2 foi considerado um dos maiores desafios para o  DLSS. O jogo desenvolvido pela Team Ninja foi o teste final do poder de melhoria proporcionado pela tecnologia.

DLSS Nioh 2

As imagens do comparativo de Nioh 2 foram feitas em uma RTX 3070, utilizando os gráficos na qualidade máxima e resolução 4K. A média de quadros por segundo sobe de 60 pra 90 com a tecnologia. Além disso, caso você tenha uma RTX 2060, conseguirá rodar o jogo em 4K a 60FPS no modo “Desempenho”.

Outriders

Por fim, o mais recente lançamento da lista. Lançado ainda em abril de 2021, o jogo da Square Enix já estrou contando com toda a tecnologia disponível nas GeForce RTX.

DLSS Outriders

E o uso do DLSS logo se tornou a melhor forma de desfrutar de toda a qualidade gráfica do game. Com ela, é possível notar uma melhoria de até 40% no desempenho do jogo.

Enfim, as tecnologias da NVIDIA têm gerado impressionantes resultados no mundo dos games. Além disso, a empresa trabalha para disponibilizar cada vez mais títulos com Ray Tracing e o incrível DLSS. Quais jogos você quer ver recebendo essas tecnologias?

Artigos relacionados