Share Button

Atualização – 24/10 – 1h02:

A assessoria da Bandai Namco no Brasil nos respondeu a respeito da configuração para jogar no PC, confirmando que não estão erradas. Mas acalme-se, pois há sempre uma chance da empresa alterar os requisitos necessários do game no computador até o lançamento.

Por enquanto, segunda a empresa, é necessário ter mesmo um Core i7-3770 e 16 GB de RAM para poder aproveitar Dragon Ball FighterZ no computador.

Notícia original – 23/10 – 17h22:

A Bandai Namco divulgou nesta segunda-feira (23) que o jogo será lançado no dia 26 de janeiro para PS4, Xbox One e PC. Junto com isso, entraram no ar as páginas de pré-venda do game para cada plataforma.

Na página de Dragon Ball FighterZ no Steam, é possível algumas informações do jogo em português, juntamente com a configuração que você precisará ter se quiser aproveitar o game no PC.

Os destaques ficam por conta do processador e memória necessários – um i7 da 3ª geração juntamente com 16 GB de RAM.

MÍNIMO:

  • SO: Windows 7/8/10 (SO de 64-bits necessário)
  • Processador: i7-3770 CPU @ 3.40GHz
  • Memória: 16 GB de RAM
  • Placa de vídeo: GeForce GTX 660 4GB
  • DirectX: Versão 11
  • Rede: Conexão de internet banda larga
  • Placa de som: Compatível com DirectX

Com estes requisitos um tanto exigentes de memória e processador para um jogo de luta feito na Unreal Engine 4, me pergunto se não foi um erro por parte da Bandai Namco, colocando por acidente a configuração recomendada no lugar da mínima. Entramos em contato com ela para ver se é isso mesmo. Havendo resposta, atualizaremos a notícia.

Dragon Ball FighterZ está sendo desenvolvido pela Arc System Works, responsável pelas séries Guilty GearBlazBlue. O jogo conta também com a inédita personagem Androide 21, criada sob a supervisão de Akira Toriyama.