Share Button

De acordo com opiniões recentes de atuais e ex-funcionários da Retro Studios, a situação não vai nada bem com a desenvolvedora que nos brindou com excelentes títulos como Metroid PrimeDonkey Kong Country Returns.

Membros da empresa publicaram comentários bastante negativos a respeito da Retro Studios no site Glassdoor, local onde pessoas podem fazer de forma anônima análises dos locais aonde trabalham ou já trabalharam, desde que comprovem por meio de identidade ou documentos que fazem ou fizeram parte da companhia a respeito da qual querem opinar.

Entre os aspectos contrários citados estão “má gestão e liderança” e também que a maioria dos bons profissionais deixou a empresa desde o último jogo da série Metroid, sendo substituídos por pessoas que não são adequadas para as funções que exercem.

Um ex-funcionário disse em seu comentário que “metade da equipe está esperando a Nintendo fechar a empresa e a outra metade está na esperança de que a Nintendo enxergue o problema e mude a gestão”.

Já faz alguns anos desde que ouvimos algo concreto a respeito da Retro Studios, o que não é um bom sinal. Seu último jogo foi Donkey Kong Country: Tropical Freeze, lançado para Wii U em 2014 e portado para Switch este ano.

Lembrando também que Metroid Prime 4, anunciado na E3 2017, estaria sendo supostamente desenvolvido pelos estúdios da Bandai Namco de Singapura e Japão, segundo relatado no começo do ano pela Eurogamer. Os supostos problemas enfrentados pela Retro Studios podem ser a razão que teria levado a Nintendo a deixar o desenvolvimento do game nas mãos de outra desenvolvedora.

Via ResetEra