Share Button

Desde o ano passado, Ricardo Medina Jr., conhecido por interpretar o ranger vermelho na série de TV “Power Rangers Força Animal” de 2002 e “Power Rangers Samurai” de 2012, enfrenta a acusação de matar com um golpe de espada seu colega de quarto em Los Angeles, EUA.

Na época, o ator alegou auto-defesa e foi solto logo em seguida. Desde então uma investigação mais apurada foi feita, Medina chegou a ser preso sob fiança de US$ 1 milhão e foi para os tribunais podendo encarar 26 anos de prisão, se julgado culpado por assassinato.

Agora, a história mudou, e o ator admitiu que matou seu ex-colega de quarto. Com essa confissão, ele agora pode enfrentar até seis anos na prisão, quando for sentenciado em 30 de março.

Medina e seu colega de quarto, Josh Sutter, começaram uma discussão em 2015 por causa da namorada de Medina, que acabou se tornando um confronto físico com o ator pegando uma espada e acertando o colega com um golpe no estômago. O próprio ator chamou a polícia e seu colega morreu no hospital.

[via ComicBook]