Share Button

Atualização 01/04 – 16:34 – Hajime Tabata esclareceu em uma declaração à revista Famitsu (via Nova Crystallis) que o número de 10 milhões não é o que Final Fantasy XV precisa vender para poder se pagar, mas a quantia que a equipe deseja que o jogo venda. Ele disse que o número é provavelmente exagerado, mas que mostra a ambição da equipe. Não tem nada a ver com rentabilidade.

Notícia original:

No evento Uncovered, focado em Final Fantasy XV, deu para perceber claramente que a Square Enix não está poupando despesas com o mais novo título da consagrada franquia.

Revelaram não apenas detalhes do jogo, mas também um anime baseado nele, um filme em CG que terá a participação de atores renomados, uma parceria com a Audi para a construção de um Audi R8 tematizado, e um jogo mobile. É investimento que não acaba mais.

É tanto dinheiro, que para Final Fantasy XV começar a dar lucro, será necessário que o título venda 10 milhões de cópias mundialmente durante toda a sua vida útil. A informação foi revelada pelo diretor Hajime Tabata, durante uma conferência de imprensa hoje.

Na série Final Fantasy, apenas Final Fantasy VII conseguiu essa façanha. Mesmo The Witcher 3Metal Gear Solid V, jogos recentes de extremo sucesso, ainda não atingiram este número. O jogo da CD Projekt, no entanto, está perto de conseguir isso segundo foi informado pelo estúdio em março deste ano. A obra de Kojima ainda está longe, com 6 milhões de cópias vendidas até dezembro de 2015.

E você, acha que Final Fantasy XV consegue vender essa quantidade imensa de cópias?

Via Kotaku.UK