Share Button

Gamers boleiros do Brasil, os senhores se recordam de Futebol Mania, um irreverente jogo de futebol online (praticamente um MOBA) que foi um verdadeiro vício no Brasil? Infelizmente, por problemas entre a Z8Games e a desenvolvedora do jogo, o suporte ao mesmo foi interrompido e os jogadores ficaram órfãos das peladas virtuais.

Na verdade Futebol Mania é um game chamado Freestyle Football, desenvolvido pela JoyCity, e que felizmente está de volta e atualizado. Agora ostentando seu nome oficial, desde fevereiro deste ano o jogo é distribuído gratuitamente pelo Steam e verdadeiramente merece sua atenção.

Em Freestyle Football o jogador não controla toda a equipe, mas somente um jogador, tal qual em Libero Grande para Playstation 2 (alguém ai se lembra?). As partidas rolam em times compostos por três ou quatro jogadores de linha e um goleiro.

As equipes não são baseadas em times reais, na verdade não há seleção de times. É necessário criar e evoluir seu personagem. A priori, a seleção aqui se dá por jogador e não por equipe.

Para criação, os elementos básicos de escolha são o gênero e a posição do jogador. É possível criar jogadores atacantes, meio campistas e zagueiros. Cada qual possui status que os fazem ser melhores em suas posições.

Infelizmente o goleiro é sempre controlado pela A.I do jogo. Um verdadeiro desperdício se me perguntarem.

É possível também escolher aspectos meramente visuais para a composição do personagem criado, bem como perfumarias como dancinhas da vitória, entre outros. As skinks de jogadores e afins gratuitas infelizmente são muito limitadas, obviamente incentivando ao mais freak por customização a comprar mais opções na loja virtual do jogo.

Sim, há micro transações em Freestyle Football. Entretanto elas são focadas em customizações visuais e é possível jogar o game sem gastar nenhum centavo. Deixo claro que os valores dos artigos compráveis na loja são caros

Uma vez criado seu jogador é possível procurar randomicamente por uma partida, ou se unir a amigos, formar procurar desafios como um time.

O machtmaking funciona bem, apesar das infundadas reclamações de alguns usuários do Steam. É claro que é mais rápido encontrar uma partida se o jogador criado for zagueiro, em comparação a um atacante. Há muito mais atacantes procurando seu lugar ao sol do que zagueiros.

As partidas online fluem muito bem, sem problemas de conectividade, desde que jogando com brasileiros. No lançamento do jogo para Steam aparentemente não haviam servidores brasileiros, o que ocasionava constantes problemas, mas isso já foi resolvido e o jogo conta com servidores tupiniquins.

O gameplay de Freestyle Football é simples e acessível. Qualquer pessoa que queria jogar conseguirá se divertir com o game, entretanto a longo prazo, se dar bem no jogo requer algo normalmente não aflorado em jogadores brasileiros randômicos online: teamwork.

Não é possível bancar o fominha no jogo. É necessário compreender que o trabalho de equipe é a chave para o sucesso, tanto para se ganhar as partidas quanto para evoluir os status do jogador. Dito isso, caso queira jogar Freestyle Football com afinco, é sugerível encontrar pessoas que entendam e queiram jogar como um time o mais rápido que conseguir.

Visualmente o jogo é simplório tecnicamente, mas a direção de arte é interessante.

A técnica Cel Shading é utilizada, dando a todo o jogo um aspecto de cartoon. Isso é pertinente dado o design intencionalmente descolado, e até certo ponto exagerado, dos personagens e cenários.

As animações são boas, divertidas e variadas. Infelizmente algumas delas, como as dancinhas pós gol, são em sua grande maioria premium.

Os menus são intuitivos e de fácil navegação, ademais possuem bom design e são pertinentes para com todo o aspecto visual do jogo.

Felizmente os requisitos mínimos de máquina para que o jogo rode são muito baixos, o que permite que gamers que não possuam um computador poderoso possam jogar tranquilamente. Seguem abaixo os requisitos mínimos (as informações são retiradas diretamente da Steam):

SO: window XP
Processador: P4 2.8GHz
Memória: 2 GB de RAM
Placa de vídeo: Geforce 6200
DirectX: Versão 9.0c
Rede: Conexão de internet banda larga
Armazenamento: 2 GB de espaço disponível
Placa de som: Generic Sound Card

Enquanto pontos negativos, vejo apenas um: O jogo ainda apresenta alguns crashes sem aparente razão. Isso não é nada que não possa ser resolvido com pacthes, não sendo futuramente um problema, mas no momento em que esse texto está sendo escrito o é.