Share Button

Atualização – 17h54:

A Valve divulgou o seguinte comunicado a respeito da situação:

“No momento os jogadores na Malásia podem acessar os jogos que possuem no Steam, mas a Loja do Steam está sendo bloqueada por alguns provedores locais na Malásia. Pelos relatos que estamos lendo, isto deve-se a um único jogo que colide com as leis locais. Contatamos a desenvolvedora, removemos o game, e estamos tentando contator as autoridades na Malásia para remover o bloqueio. Desculpe-nos por qualquer inconveniência.”

Notícia original – 14h06:

Esta semana surgiu um jogo no Steam, chamado Fight of Gods, que apesar de não ser lá grande coisa na jogabilidade e gráficos, chamou a atenção de muitos jogadores por colocar figuras religiosas como Jesus e Buda lutando entre si.

A PQube Games, distribuidora do título, disse que o governo da Malásia está tomando medidas para banir o game do país, incluindo até mesmo bloquear acesso ao Steam por lá.

A Malásia é um país islâmico conhecido por censurar fortemente todos os tipos de mídias, incluindo livros, TV e música, e seu governo não gostou nada da maneira na qual Fight of Gods retrata figuras religiosas. Interessante nisso é que Maomé ou Alá nem sequer estão presentes no jogo.

Segundo a PQube, a Comissão de Comunicações e Multimídia da Malásia, um grupo regulatório do governo, exigiu o banimento do jogo dentro de 24 horas.

Jogadores da Malásia em redes sociais e no fórum NeoGAF alegam que tiveram seu acesso ao Steam completamente bloqueado. Representantes da Valve e membros do consulado da Malásia na América do Norte ainda não comentaram a respeito da situação.

“Estamos desapontados que a liberdade de escolha não é dada para todos e o jogo foi forçadamente removido na Malásia,” disse a PQube em um comunicado de imprensa. “No entanto respeitamos quaisquer regras e censuras impostas em qualquer território.”

Via Kotaku