Curiosidades

História dos games de plataforma: correr e pular surgiu no início de 1980

O obscuro Space Panic é considerado o primeiro do gênero

Muito se discute a origem do termo “jogo de plataforma” na indústria videogamística. Acredita-se que tenha vindo algum tempo depois do lançamento do Arcade de Donkey Kong em 1981, apesar de que seu criador, Shigeru Miyamoto, originalmente chamava-o de “jogo de correr e pular” e também o termo “jogo atlético”.

Vários jornalistas da época usavam vários termos para se referir a esse tipo de jogo em que as pessoas corriam e pulavam, como “jogo de ação”, “jogo estilo Donkey Kong” e “jogo de pular”.

Depois que houve o crash dos videogames no ano de 1983 no mercado americano, a Nintendo entrou na disputa e foi responsável em recuperar a indústria, se apoiando principalmente nos jogos de plataforma. Nessa época, muitas revistas da Inglaterra usavam o termo “plataforma” para se referir ao gênero, vindo daí o nome definitivo pelo qual conhecemos hoje.

O primeiro jogo do gênero surgiu em 1980 e se chama Space Panic para Arcades, sendo um título bastante obscuro para hoje em dia. Ainda no mesmo ano veio o jogo Crazy Climber, em que o jogador tinha que escalar um prédio, sendo o primeiro jogo “scroller”, em que a tela ia subindo e, mesmo não sendo um jogo de plataforma, introduziu um conceito muito utilizado no gênero anos mais tarde.

No ano seguinte veio o já citado Donkey Kong, sendo o primeiro jogo que permitia que as pessoas pulassem pelos obstáculos e precipícios, e por isso sendo considerado por muitos como o primeiro jogo de plataforma. Além de trazer o icônico gorila, também foi o primeiro jogo do Mario, que na época se chamava Jumpman (homem que pula).

Já nos games, em 1982 veio o Pitfall para o Atari 2600, se tornando o game mais bem sucedido no console, e no  mesmo ano foi lançado Smurf: Recuse in Gargamel´s Castle para o ColecoVision, sendo pioneiro em mostrar o desnível do terreno e fazer com que a tela fizesse o scroll na horizontal assim que chegasse na extremidade da tela. Antes dele, o jogo Jump Bug mostrava o sidescrolling lateral de modo como conhecemos até hoje, sendo o primeiro a fazê-lo.

Em 1984, a Crash Magazine elegeu o jogo Wanted: Monty Mole lançado para o ZX Spectrum e o Commodore 64 como o melhor jogo de plataforma daquele ano, sendo o primeiro game a ganhar esse prêmio. Ainda em 1984, a Namco lançou o game Pac-Land para Arcades, sendo o game mais antigo no estilo plataforma ao estilo que conhecemos hoje: correr e pular com visão lateral, com desvio de obstáculos, pegar power-ups, tela sidescrolling e ter uma série de fases diferentes.

E aí sim, o Super Mario Bros lançado para o Nintendinho em 1985 foi o responsável em “explodir” o gênero no mundo inteiro, vendendo 40 milhões de cópias (!) e virando o arquétipo para muitos jogos de plataforma como conhecemos. A partir daí, veio todos os outros, como o Sonic, Alexx Kidd, Wonder By, Adventure Island, Popful Mail, Shantae, jogos da Disney, todos com suas particularidades, mas sempre com a mesma estrutura: correr e pular. A partir daqui, surgiram vários subgêneros, incluindo:

  • Plataforma e Puzzle: games em que você deve resolver enigmas, além de correr e pular. Door Door da Enix foi o primeiro;
  • Run and Gun: Popularizado pelos jogos Contra (pioneiro no gênero), Gunstar Heroes e Metal Slug, onde o objetivo é atirar nos inimigos;
  • Cinemático: Focado mais no realismo quando comparado aos tradicionais em termos de física e coisas pra fazer. Prince of Persia foi o pioneiro;
  • Isométrico: Correr e pular em uma visão que simula 3D. Knight Lore de 1984 foi o primeiro que se tem conhecimento, mas provavelmente os jogadores conhecem mais o gênero pelo Sonic 3D Blast lançado em 1996;
  • Plataforma e Aventura (Metroidvania): Dão uma área livre para explorar ao invés de explorar fases individuais, sendo que o Metroid do Nintendinho é o pioneiro no gênero, seguido pelo Simon´s Quest do mesmo console, mas popularizado pelo Castlevania Symphony of the Night do primeiro PlayStation;
  • Runner: Mais conhecido hoje em dia pelos jogos de corrida infinita nos celulares como o Temple Run, estes  também existiam desde os primórdios dos games, sendo que B.C Quest for Tires de 1983 é pioneiro no gênero. Alladin para o Game Gear de 1994 também é bastante conhecido.

Artigos relacionados