Share Button

O elenco diversificado do novo filme do Homem-Aranha, “Spider-Man: Homecoming“, está causando algumas polêmicas entre os fãs. Segundo informações do The Wrap, citando fontes próximas do filme, a atriz/cantora afro-descendente Zendaya foi escalada para o papel de Mary Jane Watson, a namorada de Peter Parker, mundialmente famosa por ser ruiva.

Além disso, um foto de publicidade do elenco divulgada durante a Comic Con 2016, parece também confirmar essa informação. A imagem homenageia a capa de um dos comics do herói, “Spider-Man Loves Mary Jane“, com os atores assumindo posições similares aos dos personagens, sendo que Zendaya está no lugar de MJ, Tom Holland aparece como Peter Parker, Tony Revolori como Flash Thompson, Laura Harrier como Liz Allan e Jacob Batalon como Ned Leeds [na imagem da revista no lugar de uma garota loira]. Confira abaixo:

sm

Além de MJ, todos os outros personagens também estão bem diferentes dos originais, que em sua maioria são caucasianos e loiros. Para aumentar a polêmica, James Gunn, diretor de “Guardiões da Galáxia” e amigo de Jon Watts, diretor do novo filme do Homem-Aranha, falou sobre as críticas da possível nova Mary Jane.

Para mim, se a principal característica de um personagem é física, ou a cor do seu cabelo, sinceramente, esse personagem é raso e terrível. O que faz Mary Jane ser quem ela é para mim é esse elemento de mulher-alfa brincalhona que ela tem, e se essa atriz for capaz de passar isso, ela será uma boa Mary Jane. Zendaya ainda é bem alta e tem esse aspecto de modelo – muito mais do que muitas atrizes que interpretaram Mary Jane anteriormente“, disse o cineasta, sem confirmar os rumores.

Vale lembrar que essas informações não foram confirmadas por ninguém da produção do filme ou pela Marvel/Sony. Zendaya, inicialmente, havia sido relacionada com a personagem Michelle Gonzales, colega de quarto latina de Peter nos quadrinhos, algo que muitos ainda acreditam e acham que MJ não irá aparecer neste filme, focando no triângulo amoroso de Peter com Liz Allan e Betty Brant (que também está no filme) e que realmente aconteceu nas primeiras histórias publicadas do herói.

E aí, o que você acha dessa história toda? Rola uma MJ negra ou é descaracterizar muito uma personagem icônica das HQs?