Share Button

Como todos já sabem, o clássico vilão Abutre, interpretado por Michael Keaton, é o principal antagonista do próximo filme solo “Homem-Aranha: De Volta ao Lar“.

Em recente entrevista ao USA Today, o coprodutor Eric Hauserman revelou que Adrian Toomes (o nome real do Abutre) é um operário com conexões com Tony Stark (o Homem de Ferro, também presente no filme) e que inclusive é uma “versão sombria” do herói.

Ele tem conflitos com Tony Stark. Ele meio que se torna o Tony Stark sombrio“, disse Hauserman.

O Abutre e o seu grupo – composto por Shocker (Bokeem Woodbine) e o Consertador (Michael Chernus) – usam artefatos alienígenas (provavelmente do primeiro filme dos Vingadores) e tecnologia avançada roubada (de Tony Stark?) para montar armas incríveis e vender a outros criminosos.

Ele acha que, assim que obtiver mais dinheiro e poder, terá mais controle sobre sua vida“, acrescenta Hauserman.

Algumas pessoas se vêem como vítimas – ele se vê um pouco assim“, diz Keaton de Toomes. “Ele provavelmente teria um forte argumento de que nunca teve uma oportunidade justa – um monte de ‘Por que não eu? Onde está a minha chance?‘”.

O diretor do filme, Jon Watts, deu mais algumas pistas a respeito do Abutre, que aparentemente faz parte de uma empresa contratada para lidar com os danos e bagunças causadas nas cidades em relação a outros filmes da Marvel, como Os Vingadores.

Ao mesmo tempo que Peter Parker é um personagem que nos guia a diversos pontos do Universo Marvel, eu pensei que nós poderíamos ver o Abutre da mesma forma, mas sendo um vilão. Ele seria o lado vilão do que esse universo pode ser. É um absurdo que ele tenha ficado de fora dos outros filmes, digo, quem limpa a bagunça depois que tudo acontece?“, disse o cineasta.

Acho bem interessante essa abordagem de “o que aconteceria se o Homem de Ferro fosse um vilão” para com o Abutre. Vamos aguardar e ver como ele será apresentado no filme.

Homem-Aranha: De Volta ao Lar” estreia em 6 de julho no Brasil.