Share Button

Um homem canadense foi preso após ameaçar explodir um ônibus com um aparato cheio de fios conectados e formado por peças de videogames.

Thomas Macabeu, 50 anos de idade, entrou no ônibus com a suposta bomba e exigiu ao motorista que o levasse até a fronteira canadense. Além do motorista e de Macabeu, havia sete passageiros dentro do ônibus na hora. O último endereço conhecido de Macabeu era em Wisconsin, EUA, e ele disse aos policiais que planejava chegar ao Houlton Port of Entry, onde pretendia pedir asilo no consulado israelense em Ottawa.

O motorista do ônibus parou o veículo em Houlton, onde os passageiros e os motoristas desceram. Depois de um impasse de nove horas, o homem se entregou às autoridades. A falsa bomba que ele carregava era formado por peças de videogame, fita adesiva e um caderno espiral.

Macabeu foi acusado de agressão, agravada com conduta imprudente e terrorismo.