Share Button

nintendo_mobile

A parceira da Nintendo no negócio de jogos mobile, DeNA, espera por números grandiosos no que diz respeito a receita gerada. A empresa japonesa afirmou hoje, em uma entrevista a Reuters, que está esperançosa de que os jogos da Nintendo gerem mais de ¥3 bilhões (US$ 25 milhões) por mês, cerca de R$ 80 milhões.

“Nós queremos criar jogos que serão jogados por milhões de pessoas,” disse Isao Moriyasu, diretor executivo da DeNA, para a Reuters. Anteriormente foi dito que esperavam superar Candy Crush e gerar mais de 100 milhões de jogadores ativos diários com os jogos da Nintendo.

Moriyasu disse também que a DeNA pretende criar um catálogo de títulos altamente convincentes com a marca Nintendo. “Queremos criar vários títulos de sucesso ao invés de tentar ser bem sucedidos com apenas uma única IP,” ele disse.

No que diz respeito a cifra de US$ 25 milhões esperados, Moriyasu admitiu que ainda não discutiu as metas financeiras com a Nintendo. Mesmo assim, está esperançoso que os jogos da Nintendo em colaboração com a DeNA serão um grande negócio para ambas empresas.

“Ainda não falamos com a Nintendo a respeito de metas, mas na DeNA, nosso jogo de maior sucesso trouxe ¥3 bilhões de ienes por mês, e queremos superar isso,” ele disse, se referindo ao jogo de smartphone Kaito Royale. O jogo fez tanto sucesso que ganhou uma série de TV.

Nintendo e DeNA não divulgaram detalhes da repartição das receitas para os futuros jogos para smartphones. Entretanto, analistas disseram a Reuters que a Nintendo deve obter cerca de 70% de todos os rendimentos.

O primeiro jogo feito pela parceria DeNA-Nintendo será lançado no final do ano. A Nintendo revelou que não será simplesmente um port de jogo de console ou portátil e também está considerando entrar no mercado free-to-play, chamado de free-to-start por Satoru Iwata.

A Nintendo irá divulgar hoje também novas informações sobre Wii U e 3DS durante a Nintendo Direct que acontecerá às 19:00hs do horário de Brasília.