Share Button

Hideo Kojima deixou bem claro o que quer para seu novo projeto com a Sony.

Durante uma entrevista concedida por ele ao site GameSpot, ele revelou que pretende que seu próximo jogo cause bastante impacto, para que ele possa se tornar uma série.

“Para isso, com a Sony, nós estamos trabalhando em um projeto que será uma nova IP,” disse. “Claro, eu não tenho nenhuma ideia se vai ser uma série ou não, mas eu quero fazer algo que cause impacto suficiente para se tornar uma série.”

“Por impacto, quero dizer pelas coisas que são únicas para o jogo, os personagens, e o mundo. Este impacto pode levar para algo fora dos videogames, tais como animes, mangás, figuras de ação; algo que é rico o bastante para se expandir.”

Kojima revelou também que, ao contrário do que dizem, ele mantém sua palavra em relação ao orçamento e prazo na produção dos jogos.

“Muitas pessoas dizem que eu gasto muito dinheiro ou levo tempo demais, mas isto é um equívoco. Meu último projeto estava atrasado cerca de cinco ou seis meses, mas eu sempre mantive minha palavra em relação ao prazo e orçamento.”

“Desenvolvedores japoneses são famosos por serem relaxados com cronogramas, e eu acho que as pessoas me colocam nesta categoria, mas não é a realidade. No meu caso, sou um diretor e produtor, então preciso estar atento à produção e ao orçamento.”

O criador de Metal Gear Solid também disse que a Sony não tenta controlar o que ele está fazendo, lhe dando total liberdade.

“Eles [a Sony] não estão controlando o que eu estou fazendo de forma alguma; isto era parte do acordo, e a Sony foi muito respeitosa comigo e no que eu faço. A esse respeito, tem sido muito bom, e muito agradável.”

Kojima está com uma baita responsabilidade nas costas. Ele sabe que não pode decepcionar de forma alguma com seu novo jogo. Não sabemos quando ele será lançado, apenas que será primeiro para PS4 e depois para PC.

Ontem ele recebeu o prêmio na DICE Awards 2016 por ter sido incluído no Hall da Fama da AIAS, e foi aplaudido de pé para a tristeza da Konami: