Share Button

Pelo visto a Konami não ficou satisfeita em cancelar Silent Hills, remover da PS Store a incrível demo P.T. e lançar um Metal Gear Solid para máquinas pachinko.

Durante a Gamescom 2016, a empresa mostrou o trailer do novo Metal Gear Survive. Trata-se do primeiro jogo da franquia sem a presença de Hideo Kojima. Nele podemos ver aparentemente um jogo de tiro cooperativo contra zumbis dentro do universo Metal Gear, que não parece ter os elementos de furtividade pelos quais a série é conhecida. Some isso com uma história sem pé nem cabeça a respeito de buracos de minhoca que surgiram sem explicação alguma os quais levaram soldados da Mother Base para esta realidade alternativa com zumbis e terá fãs ainda mais revoltados com a empresa.

Logo após o trailer sair muitos jogadores se revoltaram. No momento desta publicação, inclusive, já constavam mais de 64.000 “não gostei” nele no YouTube, frente a pouco mais de 15.000 “gostei”.

O gerente da comunidade da Konami, Robert Allan Peer, resolveu responder as críticas negativas do game no Twitter, dizendo que “algumas pessoas estão definitivamente chateadas” e que “muitas pessoas tem diferentes expectativas com relação aos seus títulos favoritos”. Peer disse também que a Konami tem “trabalho a fazer” para fazer as pessoas se interessarem pelo novo game.

Algo que talvez acalme um pouco os ânimos dos jogadores é que Metal Gear Survive não será vendido por US$ 60 (via Polygon), dando a entender que talvez ele custe o mesmo que Metal Gear Solid: Ground Zeroes.

Isso pode não ser algo positivo na verdade, pois Ground Zeroes tinha pouquíssimo conteúdo e não compensava o valor de US$ 30 que era cobrado por ele no lançamento.

Vamos torcer para que o novo Metal Gear seja um título à altura da série e não um jogo de tiro genérico com o nome da famosa propriedade intelectual.

Metal Gear Survive chega em 2017 para PC, PS4 e Xbox One.