Share Button

Divulgação

O ex-jogador e técnico Marco Van Basten foi removido do popular Modo FIFA Ultimate Team, de FIFA 20, após fazer piada com a expressão “sieg Heil”, uma saudação nazista para comemorar vitórias do exército alemão.

Ele fez o comentário durante transmissão do canal Fox Sports Holanda entre Ajax e Heracles, no último sábado, pelo Campeonato Holandês. O vídeo viralizou nas redes sociais e devido à repercussão, o canal suspendeu Van Basten por uma semana.

A EA se pronunciou sobre o caso revelando a suspensão de itens e pacotes relacionados a Van Basten no jogo, mas não deixou claro se é uma medida temporária ou permanente.

Estamos cientes dos comentários recentes feitos por Marco van Basten“, diz o comunicado oficial da EA Sports.

Temos uma expectativa que o nosso compromisso com igualdade e diversidade seja mantido por todo o jogo. Sendo assim, suspenderemos os itens ICON de Marco van Basten de pacotes, SBC e FUT Draft até segunda ordem“.

A polêmica começou quando Van Basten foi brincar com a pronúncia de um companheiro de transmissão e usou a expressão “sieg Heil” (viva a vitória, em tradução livre), uma saudação nazista proibida na Alemanha hoje em dia.

O lendário ex-jogador holandês chegou a pedir desculpas no ar, dizendo: “Não queria chocar as pessoas, só queria ridicularizar o alemão de Hans, mas sinto muito“.