NotíciasTecnologia

Mercado de PCs no Brasil tem alta de 9,9% no terceiro trimestre de 2020

Share Button

De acordo com o estudo IDC Brazil PCs Tracker Q3 2020, realizado pela IDC Brasil, o mercado de PCs cresceu 9,9% no terceiro trimestre de 2020 com a venda de 1.611.907 computadores, com os notebooks contribuindo em peso para o resultado, com 1.304.720 unidades, 25,7% a mais do que o mesmo período de 2019.

“As demandas de home office e home schoolling, que continuaram por conta da pandemia e a necessidade de mobilidade, explicam esse movimento”, afirma Rodrigo Okayama Pereira, analista de mercado da IDC Brasil.

O preço médio dos notebooks ficou em R$ 4.363, 0,4% a mais do que no trimestre anterior, sinalizando que apesar de novos incrementos no preço, a participação de notebooks de entrada trouxe um equilíbrio no preço médio do produto.

Já as vendas de desktops sofreram queda de 28,3%. No terceiro trimestre de 2020 foram vendidas 307.187 unidades, por R$ 3.555, em média, 2,4% a menos do que no segundo trimestre de 2020.

Do total de 1.611.907 máquinas, 1.160.724 foram comercializadas no varejo e 451.183 consumidas pelo mercado corporativo.

Segundo a IDC, no período houve uma mudança no calendário de abastecimento do varejo. As fabricantes decidiram enviar produtos para os canais em setembro, quando historicamente essa atividade acontece com maior ênfase em outubro, para se prepararem para a Black Friday. “A pandemia e a falta de componentes que mudou o fluxo nos meses anteriores foi o motivo dessa antecipação”, conta.

Para o quarto trimestre de 2020, a IDC Brasil prevê que o varejo continuará registrando alta, em média de 22%, e o setor corporativo terá um crescimento tímido de 0,1%. “O mercado corporativo caminha para uma leve retomada. As empresas estão perto de fechar seus balanços e podem usar o restante de seus orçamentos para fazer novos investimentos para o próximo ano”, diz o analista. Ele destaca o segmento de educação, que tende a se preparar para um 2021 de ensino híbrido. No total, a IDC Brasil prevê alta de 8,4% no mercado de PCs no quarto trimestre de 2020.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo