Share Button

Momodora: Reverie Under the Moonlight” foi lançado em 2016 é o quarto jogo de uma série indie que se iniciou em 2010, e que já conquistou uma boa legião de fãs, especialmente aqui no Brasil, já que um dos principais desenvolvedores é o brasileiro Guilherme “rdein” Martins.

Após três títulos, o novo “Momodora” consegue sugar tudo de bom dos jogos anteriores, melhorar vários elementos e entregar a melhor aventura que o jogador pode experimentar nessa série que segue o estilo clássico metroidvania.

momodora1

Situado 400 anos antes dos eventos de “Momodora I”, a narrativa apresenta uma sacerdotisa chamada Kaho, que viaja pelo Reino de Karst para deter uma maldição que tem se espalhado pela terra e está afetando sua aldeia. O mal se espalha, os mortos se levantam, e a corrupção reina. A esperança é uma audiência com a majestade, a Rainha, mas o tempo é curto e cada noite mais escura que a anterior.

Não se engane com o visual fofo de anime e manga do game, pois a sua ambientação possui uma atmosfera bem sombria e melancólica que pode pegar de surpresa os desavisados. Além da personagem principal, há vários NPCs pelo caminho que conversam e dão dicas importantes.

momodora3

O seu visual composto por pixel art 2D apresenta animações muito bem feitas e uma belíssima arte composta por alguns cenários coloridos e alegres e outros mais sombrios e melancólicos. A trilha sonora completa a ambientação, com ótimas composições que combinam bem com os lugares onde é aplicada, com destaque para as músicas dos chefões, que deixam as emocionantes batalhas ainda mais épicas.

O gameplay é outro fator de destaque do jogo, com combates dinâmicos e estratégicos de acordo com o tipo de inimigo. Além de andar, nossa heroína conta com mecânicas simples como dar pulos duplos, bater com a sua folha em ataques físicos, usar o seu arco e flecha para acertar inimigos distantes e esquivar com rolagens. Durante o progresso na aventura, todas essas habilidades podem receber upgrades. Além disso, a personagem também pode equipar itens ativos e passivos que dão bônus constantes.

momodora2

Como todo metroidvania que se preze, o jogo é composto por grandes mapas labirínticos cheios de segredos e perigos, com locais que só podem ser acessados depois de se obter determinadas habilidades.

Apesar de ser um jogo relativamente curto, com cerca de apenas 5 horas, o seu fator replay é alto, já que para completar os 100% será necessário mais do que uma partida para explorar todos os seus segredos. Ele também é bem desafiador, com um bom grau de dificuldade.

momodora4