Share Button

Albert, primeiro filme de animação original para TV da Nickelodeon, chega ao Brasil nesta quarta-feira, dia 21 de dezembro, no canal fechado da Nickelodeon, às 21h00 do horário de Brasília.

Ele conta a história do pequenino pinheiro chamado Albert, que adora o período natalino e sonha em ser a árvore de Natal da cidade Empire.

Os artistas de textura, iluminadores e compositores da animação utilizaram estações de trabalho Dell Precision 5810, equipadas com placas de vídeo Quadro M6000, para dar vida à história. As técnicas de renderização das cenas foram produzidas usando renderizadores acelerados por GPUs do Redshift.

“O Dell T5810 e o Redshift com o Nvidia Quadro M6000 realmente foram perfeitos para nós e permitiram que nossos artistas trabalhassem de um modo que nunca tinham conseguido antes”, disse Eric Swanborg, diretor sênior de operações digitais na Nickelodeon. “Eles conseguiram trabalhar quase em tempo real ao iluminar as cenas em que estavam trabalhando, o que nos permitiu criar um pipeline totalmente novo para a forma como a Nickelodeon tradicionalmente abordava a animação, dando a eles controle muito mais criativo do que jamais tiveram.”

Os personagens animados em Albert aparecem como se fossem possível alcançá-los e tocá-los — algo entre fotorrealista e stop motion. A capacidade de os artistas terem reflexos, sombras e interação quase em tempo real foi essencial para o projeto.

“Estamos tentando fazer uma arte excelente o mais rápido que podemos e fazer com que sua aparência seja a melhor possível. Há muita profundidade em tudo. É isso que me deixa tão entusiasmado. Mal posso esperar para que o público veja”, disse Jason Meyer, produtor supervisor na Nickelodeon. “E o que costumava levar de duas a três horas para ser visto em um frame final agora leva apenas meia hora.

Usar o Redshift com a plataforma de computação visual Quadro permitiu que os artistas fizessem as renderizações sozinhos sem ter de terceirizar. Os artistas conseguem ver como são as cenas antes de gastar tempo para renderizar toda a sequência, o que é um método significativamente mais rápido.