Share Button

Tyler “Ninja” Blevins ganhou as manchetes no ano passado ao anunciar que estava trocando a plataforma de streaming Twitch da Amazon para transmitir exclusivamente no Mixer, da Microsoft.

Na época, sabia-se que Ninja e Mixer haviam fechado algum tipo de acordo para tornar a mudança atraente para ambas as partes, mas os termos exatos não foram anunciados.

Mas, de acordo com a CNN Business sobre a guerra entre gigantes do streaming como Mixer, Twitch, YouTube, Facebook, entre outros, Ninja pode ter embolsado a gorda quantia de US$ 30 milhões pela troca de plataforma.

Justin Warden, CEO da Ader, agência de marketing e gerenciamento de talentos que trabalha com Ninja, alegou ter conhecimento direto do acordo e afirmou que o valor foi entre US$ 20 e US$ 30 milhões. Até o momento, Ninja ainda não revelou oficialmente os termos do acordo – incluindo a compensação.

A presença de Ninja no Mixer ainda é relativamento cedo, mas quando trocou de plataforma, ele tinha mais de 14 milhões de seguidores no Twitch, e possui agora pouco menos de 3 milhões no Mixer – uma queda bem considerável.