GamesNotícias

Nintendo diz que não competirá com Sony e Microsoft em aquisições de estúdios

O presidente da Nintendo, Shuntaro Furukawa, declarou que a empresa não está buscando comprar publishers e estúdios da mesma forma que a Sony e Microsoft estão fazendo.

“Nossa marca foi construída em cima de produtos elaborados com dedicação por nossos funcionários, e ter um grande de número de pessoas que não possuem o DNA da Nintendo em nosso grupo não seria vantajoso para a empresa,” disse Furukawa, via Bloomberg.

Em novembro, Furukawa havia revelado planos para serem gastos mais de US$ 870 milhões para reforçar o desenvolvimento interno da Nintendo, mostrando que ela prefere investir em si própria do que na compra de outras empresas.

No entanto, Furukawa disse que a Nintendo não tem nada contra aquisições, mas só faz isso se for absolutamente necessário. Um exemplo foi a compra da desenvolvedora Next Level Games, responsável por Luigi’s Mansion 3. A aquisição foi feita após os acionistas majoritários da empresa terem expressado interesse em vender suas ações.

Falando com a Bloomberg, o analista do mercado japonês de jogos, Serkan Toto, complementou dizendo não acreditar que a Nintendo tem o intuito de comprar qualquer estúdio ou publisher.

“Eu realmente tenho dificuldade em imaginar qual das grandes empresas ela estaria interessada em comprar. A Nintendo sempre permanecerá Nintendo. Ela sempre confiou nos jogos first party e não vejo nenhuma razão para ela mudar”.

Via NintendoLife

Artigos relacionados