Share Button

Após uma semana cheia de críticas de várias pessoas envolvendo as microtransações de Star Wars Battlefront 2, a Electronic Arts retirou isso do game, em uma tentativa de apaziguar os ânimos dos consumidores.

Infelizmente para a publisher, isso parece não ter adiantado. De acordo com a GFK Chart-Track, as vendas do jogo no Reino Unido ficaram 50% abaixo das obtidas por Battlefield 1 no lançamento. Comparando com o Battlefront de 2015, a situação é ainda mais desanimadora para a EA, com uma queda de 61%.

É importante ressaltar que tratam-se apenas das vendas físicas durante a semana de lançamento do game. Com o crescimento da preferência pelo formato digital ao longo dos últimos anos, é possível que a situação não seja tão ruim quanto se pensa.

Ainda assim, vender 61% menos do que o antecessor e 50% menos do que Battlefield 1, mesmo contabilizando somente vendas físicas, é algo que chama a atenção. Será que as vendas digitais foram tão boas a ponto de cobrir essa diferença? Se olharmos para Destiny 2, parecia que ele iria ficar atrás do jogo anterior, mas ao serem somadas as cópias digitais vendidas, ficou claro que a sequência vendeu mais, segundo ressaltou a Forbes.

De qualquer forma, esperemos que a Electronic Arts não cometa o erro de trazer de volta as microtransações ao game.

Star Wars Battlefront 2 encontra-se disponível para PS4, Xbox One e PC.