Share Button

ori-and-the-blind-forest

De acordo com o diretor executivo da Moon Studios, Thomas Mahler, o jogo Ori and the Blind Forest deu lucro uma semana após o lançamento. “Microsoft está super feliz, então veremos a respeito do futuro de Ori.”

A produtora está expandindo o estúdio com mais mão de obra e também possui cinco ideias que estão “no forno que vão desde projetos menores até mesmo imensos.”

“Todo o dinheiro que fazemos volta direto para o estúdio – então se quiser ajudar a nós e nossos futuros projetos, compre Ori ou presenteie seus amigos com ele,” disse Mahler. “Quanto mais cópias vendermos, maiores as chances de conseguirmos trabalhar em novos projetos.”

“Eu estaria interessado na verdade em falar sobre a história de Ori – eu meio que tenho um esboço de onde eu gostaria de levar a IP no futuro, se viermos a trabalhar com outro projeto relacionado a Ori. Eu acho que criamos um mundo com personagens memoráveis e existe muito potencial para podermos ir ainda mais fundo na história.”

“Na verdade existia muito conteúdo relacionado a história que criamos e não chegou a ser colocado em Blind Forest. Seria interessante dar um passo adiante e expandir o mundo do jogo um pouco mais, para dar às pessoas mais discernimento em como Nibel funciona, os personagens nela, etc.”

Mahler continuou e disse que ele adoraria que o estúdio e a Microsoft “fizessem algo mais com a IP” e que seria “incrível” se um estúdio de cinema adquirisse os direitos dela.

Ori and the Blind Forest já está disponível para Xbox One e PC. Uma versão para Xbox 360 sai ainda este ano.

Via Gi.biz