Share Button

pac-man-35-anos-interna

Já faz um tempinho desde que Tōru Iwatani lançou através da Namco aquele que viria a ser um dos maiores sucessos da história dos videogames. Pac-Man está completando hoje seu 35º aniversário.

A ideia do design para o personagem apareceu durante um jantar com amigos, onde Iwatani viu uma pizza sem fatia, que fazia lembrar uma boca aberta. Foi o primeiro jogo na história a gerar mechandising em massa, com camisetas, cereais, livros, toalhas, canecas e muitos outros acessórios levando a marca.

Outra curiosidade é que Iwatani afirmou há alguns anos atrás que Pac-Man foi feito pensando-se mais para mulheres do que homens. Ele queria criar um personagem bonitinho para que elas tivessem mais vontade de jogar videogame, pois até aquele momento quase todos os jogos eram violentos e focados mais no público masculino. A ideia também era fazer com que casais pudessem finalmente jogar algo juntos em um encontro.

Por incrível que pareça, Pac-Man, ou Puck-Man como era chamado no Japão e Come-Come como muitos o chamam no Brasil, não foi um sucesso logo de cara. Após o lançamento nos Estados Unidos é que o jogo ganhou o mundo. A Midway Games, na época responsável pelo jogo na América do Norte, mudou o nome para Pac-Man por receio de que pessoas substituíssem a letra P em Puck-Man por F. Já viu, né, ia dar o maior problema.

O jogo havia gerado inacreditáveis $2.5 bilhões de dólares até a década de 90 devido ao sucesso nos Estados Unidos. Praticamente todos os consoles possuem uma versão de Pac-Man e a tendência é que mais jogos do personagem continuem a aparecer no futuro. Isso sem falar nas séries animadas, tanto antigas quanto atuais. Recentemente, ele também teve uma participação especial no jogo Super Smash Bros. para Wii U e 3DS, além de ser um dos principais personagens de videogame a aparecerem no filme Pixels.

Sentiu saudade? Dê uma jogadinha então na versão do Google do grande clássico clicando aqui.