GamesNotícias

PlatinumGames esclarece que Astral Chain é da Nintendo

Após a PlatinumGames declarar em fevereiro de 2020 que não descartaria a possibilidade de Astral Chain, lançado exclusivamente para Switch, sair em plataformas que não fossem da Nintendo, e em maio do mesmo ano dizer que era uma IP dela e da Nintendo, a situação mudou de figura recentemente.

Fãs notaram (via ResetEra) que o aviso de direitos autorais de Astral Chain foi modificado, tendo sido removido o nome da PlatinumGames. Ao ser perguntado a respeito pelo site VGC, o chefe do estúdio, Atsushi Inaba, disse: “É aquilo que parece.”

Logo em seguida, ele complementou dizendo: “É como está escrito no site – Astral Chain é a IP deles e, como tal, existem limitações sobre o quanto achamos que devemos falar a respeito”.

Ao ser perguntada para esclarecer mais a situação, um porta-voz da PlatinumGames disse que a empresa “não estava em posição de responder a esta pergunta”.

Tudo isso nos faz chegar à conclusão de que Astral Chain não é mais uma IP conjunta da Nintendo e Platinum, sendo agora exclusiva da empresa criadora do Mario. Isso significa que uma sequência sairá apenas se a Nintendo quiser e somente para suas plataformas.

Outra IP que era de propriedade tanto da Nintendo quanto da Platinum era The Wonderful 101, que aparentemente também passou por uma mudança parecida, mas em favor da Platinum, o que explica o remaster do jogo ter saído para PS4 e PC, além do Switch, no ano passado.