Share Button

De acordo com um relato publicado pela Bloomberg, haverá uma quantidade limitada de PlayStation 5 para os consumidores quando o console lançar no final do ano.

O motivo não é a pandemia de COVID-19, e sim, segundo a Bloomberg, que a Sony “acredita que as especificações ambiciosas do PS5 irão pesar na demanda causando um preço elevado no lançamento”.

A página explica também que a divulgação do console foi reduzida devido à pandemia, o que explicaria por que ainda estamos em abril e continuamos sem ver como é o console.

Ainda segundo as fontes da Bloomberg, a Sony espera conseguir produzir “5 a 6 milhões de unidades do PS5 no ano fiscal que acaba em março de 2021”, menos do que os 7,5 milhões de PS4 que foram vendidos no mesmo período em seu lançamento. Também disseram que as produtoras que já estão fazendo jogo para o console “antecipam que seu preço esteja na casa de US$ 499 até US$ 549”.

Via TheSixthAxis