Share Button
– um excelente remake do clássico dos monstrinhos para o NDS –

Pokémon Heart Gold e Pokémon Soul Silver é um remake para o Nintendo DS de um clássico considerado como o melhor game dos famosos monstrinhos, e até é considerado um dos melhores RPGs de todos os tempos. Pokémon Gold e Silver foram lançados em 1999 para Game Boy Color. Esses dois jogos iniciaram a segunda geração de Pokémon, adicionando 100 novos monstrinhos aos já existentes 151 originais de Pokémon Red, Blue e Yellow. Gold e Silver foram um sucesso avassalador, superando de longo os antigos jogos. Eram dois jogos em um só, com dezenas de horas de jogabilidade, dois mapas diferentes e mais de 250 criaturinhas para apanhar.

Desde então vários jogos dos Pokémon foram lançados para Game Boy Advance e para o Nintendo DS, e agora chegou a vez de Gold e Silver ganhar sua versão no novo portátil da Nintendo. Será ele tão bom, ou melhor que os originais? Confira a análise a seguir.

O game começa como todos os outros da série Pokémon, com você controlando um novo (ou mova) treinador de Pokémon. É oferecido a você um de três Pokémon iniciais. Escolhido o companheiro, você deverá percorrer o mundo de Johto e algum tempo depois o de Kanto e ganhar os 16 crachás dos líderes de Ginásio e assim participar na Liga Pokémon e se tornar campeão.

Visualmente o game continua com o seu estilo simples, mantendo a mesma visão área, mas com alguns elementos em 3D bem detalhados. Os cenários e cidades estão bem bonitos, com uma direção artística muito boa. Um efeito bem interessante é o cair da noite e o nascer do Sol enquanto se joga, fazendo aparecer Pokémon diferentes dependendo da hora.

A jogabilidade segue o padrão dos jogos anteriores. Como em um RPG, os combates ocorrem por turnos contra outros treinadores ou Pokémon que se podem combater ou capturar. Os seus Pokémon ganham experiência através dos combates, podendo evoluir a um certo nível e ficando mais fortes. Um das novidades é que todos os seus Pokémon podem andar fora da Pokebolas, algo que só tinha acontecido com o Picachu em Pokémon Yellow.

Se você tem o jogo anterior, Pokémon Platinum, todos os seus itens podem ser usados nesta versão. O GTS (Global Trade System), o sistema de troca de pokémons online, está mais prático e de fácil acesso. Outra novidade que chama a atenção é o Poké Walker, uma espécie do antigo Tamagochi que você ganha ao comprar o game. É um extra que faz o jogador interagir com o game o tempo todo. Ele serve como um contador de passos (que se refletem em experiência para os Pokémon) e capturar novos bichinhos, dependendo da quantidade de passos dados. Quantos mais passos você der, mais Pokémons poderá encontrar pelo caminho, inclusive alguns itens raros. Seu uso não é obrigatório, mas é bastante divertido para aumentar sua coleção de  monstrinhose é totalmente compatível com o jogo, podendo transferir Pokémon de um para outro.

esse é  o Poké Walker, o tamagochi dos Pokémon que interage com o NDS

Assim como os outros jogos da série, é um título com várias horas de jogo, com uma quantidade enorme de Pokémon para apanhar e treinar, com vários minigames divertidos que você pode participar com seu Pokémon através do Touch Screen do DS, e extras como o Poké Walker que prolongam a vida do game. Isso sem falar que pode ser jogado com outras pessoas via online, o que aumenta ainda mais a diversão e durabilidade do jogo.