Share Button

Durante uma entrevista ao site Rely on Horror, o produtor do remake de Resident Evil 2, Tsuyoshi Kanda, deu a entender que não haverá modos de câmera adicionais no game, ou seja, ele só poderá ser jogado da forma apresentada durante a E3 2018.

“Estamos realmente focados em nossa nova câmera sobre os ombros, então não estamos realmente pensando a respeito de opções de câmera alternativas,” disse Kanda ao ser perguntado se haverá modos ou ângulos de câmera adicionais no jogo.

Em seguida, ele tranquilizou os fãs que acham que o game poderá acabar focando mais na ação do que no terror por causa disso.

“Não será um jogo de tiro com câmera sobre os ombros, será uma câmera claustrofóbica e tensa que ainda traz a experiência de terror embora seja um novo estilo de Resident Evil 2.”

Em complemento a isso, Yoshiaki Hirabayashi, outro produtor do game, disse que os cenários A e B que Leon e Claire tinham no título de 1998 estarão juntos na mesma história no remake.

“Ainda queremos replicar aquela sensação de ver os dois lados da mesma história por meio da perspectiva de ambos personagens. Por esta razão nós temos uma campanha para Leon e uma campanha para Claire, elas são separadas e você pode escolher qual quer jogar primeiro,” disse Hirabayashi.

“Nós simplificamos um pouco e deixamos mais elegante eliminando a distinção A/B e meio que mesclando o que acontece nos cenários A e B dos personagens dentro de uma história só. Eu acho que os jogadores de hoje, eles querem estas experiências profundas/intensas com a história e esticá-las em quatro cenários cria uma sensação de repetição ao ter de jogar o game várias vezes para ver tudo.”

“Então por esta razão nós seguimos com duas campanhas que ainda mostram todos os eventos da história de cada personagem ao invés de ter tudo separado.”

O remake de Resident Evil 2 será lançado no dia 25 de janeiro para PS4, Xbox One e PC.