Share Button

De acordo com uma reportagem feita pela Bloomberg a respeito do aumento no preço dos jogos, antes da Sony optar por cobrar US$ 70 pelos seus novos jogos e seguir aquele que parece ser o novo padrão, ela flertou com a ideia de cobrar mais do que isso.

Um representante da Sony explicou que o aumento no preço reflete o crescimento nos custos de desenvolvimento, mas também apontou para outros jogos da Sony, os quais serão lançados por US$ 50, como é o caso de Spider-Man: Miles Morales. Apenas os jogos maiores, como Demon’s Souls, é que custarão US$ 70. Destruction AllStars também iria ser lançado por este preço, antes de ser adiado e colocado dentro da PlayStation Plus.

Além da Sony, a Take-Two e a Activision já se comprometeram com em aumentar o preço dos jogos para US$ 70, com exemplos disso sendo Demon’s Souls, NBA 2K21 e Call of Duty: Black Ops Cold War.

Falando de outras empresas, a Ubisoft disse que jogos lançados por ela este ano não terão esse novo preço, mas não prometeu nada com relação aos títulos que chegam em 2021. A Capcom falou apenas que novos jogos serão avaliados “caso a caso” na hora de estipular o preço. Já a EA ainda está aguardando antes de confirmar quaisquer aumentos no valor dos jogos.

Via GameSpot