Share Button

A Rockstar ainda não decidiu se vai produzir uma sequência para “L.A. Noire”. O jogo de investigação policial criado pelo estúdio astraliano Team Bondi não obteve o mesmo sucesso de outros jogos da casa, como “Red Dead Redemption” e“GTA IV”.

Em comunicado publicado no site da Rockstar, foi dito que: “Não teremos mais extras ou conteúdos adicionais para lançar para ‘L.A. Noire’ (além de estarmos ocupados trabalhando em ‘Max Payne 3’, ‘GTA V’ e outros jogos que estão por vir), mas não descartamos a possibilidade de um novo game da série ‘L.A. Noire’para o futuro. Nós não decidimos nada”.

A Rockstar disse ainda que está satisfeita com o resultado final do jogo, e comentou que nem tudo está perdido para os fãs que ele conquistou – “Não nos apressamos em produzir sequências, basta ver o que aconteceu com “Red Dead” e “Max Payne”, que ficaram encostados por algum tempo antes de “Red Dead Redemption” e“Max Payne 3”.

Los Angeles, cidade proibida

“L.A. Noire” se passa na Los Angeles de 1947, na qual o jogador deve resolver os mistérios por trás de uma série de assassinatos brutais. O protagonista é Cole Phelps, policial que tem a missão de limpar as ruas da cidade dos crimes. O agente tem que lidar com uma força policial corrupta, do mais baixo ao mais alto escalão, assim como algumas “coisas bem ruins” que ele mesmo fez durante a Segunda Guerra Mundial.

A mecânica de jogo básica em “L.A. Noire” envolve a resolução de casos através de um mix de investigação, depoimentos e interrogatórios, pacíficos ou nem tanto. Os sistemas de depoimentos e interrogatórios são uma parte interessante do game, pois fazem uso da tecnologia de animação facial “revolucionária”, segundo a Team Bondi, responsável pela produção do game.