Share Button

A semana mal começou e surgiu uma notícia no mínimo surpreendente, caso seja mesmo verdade. Um rumor sugere que a Microsoft considera a compra da EA, Valve e PUBG Corp.

“Uma fonte confiável próxima da Microsoft” disse a novidade ao site Polygon, com relatos de “mudanças internas” na Microsoft criando a situação necessária para uma aquisição.

O analista da SuperDataResearch, Joost Van Dreunen, disse ainda para a Polygon que ele espera mais notícias a respeito de uma aquisição em breve.

“Por causa de onde estamos no ciclo de vida de todas essas coisas, estou esperando ouvir a Microsoft anunciar algo muito, muito em breve.”

Isso vem logo após Phil Spencer ser promovido para a equipe de lideranças sênior da Microsoft, algo que ele considerou “uma grande mostra de compromisso” para seu portfólio de games.

Uma aquisição dessa magnitude, especialmente da gigantesca Electronic Arts, seria algo muito substancial e ajudaria consideravelmente a Microsoft em reforçar sua divisão de jogos.

Não seria a primeira vez que a Microsoft desembolsaria uma quantia bilionária para comprar uma empresa. Em 2014, ela pagou US$ 2,5 bilhões pela Mojang, criadora de Minecraft.

Atualmente a Microsoft tem pelo menos US$ 130 bilhões (cerca de R$ 411 bilhões) em caixa conforme relatou a Polygon, quantia mais do que suficiente para adquirir a EA, que possui um valor de mercado de aproximadamente US$ 35 bilhões (cerca de R$ 110 bilhões).

No que diz respeito a PUBG Corp, a aquisição dela certamente viria para capitalizar em cima do sucesso de PlayerUnknown’s Battlegrounds, após seu bem sucedido lançamento no Xbox One através do programa Xbox Game Preview.

Vale lembrar que um outro rumor circulou as redes em outubro, sugerindo que o contrato de exclusividade temporária nos consoles para o game poderia ser estendido ainda mais.

Sobre a Valve, acho difícil uma aquisição vinda da Microsoft. Gabe Newell já declarou publicamente não gostar do Windows 10 como plataforma para jogos.

Caso mais novidades surjam a respeito de tudo isso, atualizaremos a notícia.

Via IGN