Share Button

Durante sua mais recente conferência financeira, a Electronic Arts disse por meio de seu diretor executivo, Andrew Wilson, e de seu diretor financeiro, Blake Jorgensen, o que pensa sobre jogos em nuvem e serviços de assinatura.

A empresa, que atualmente oferece EA Access e Origin Access para Xbox One e PC, disse que planeja “introduzir uma nova oferta” para um destes programas de assinatura, entregando “acesso e valor sem precedentes”.

Wilson também mencionou que em três ou cinco anos a EA acredita que jogos em nuvem, similar ao que é oferecido hoje no PlayStation Now, contribuirão “significativamente” na maneira com que os jogadores interagem entre si, pois permitirá que as pessoas não fiquem mais restritas a determinados dispositivos ou pelo poder deles, pois os jogos existirão na nuvem e poderão ser usados em qualquer plataforma.

Essa afirmação sugere que a EA está trabalhando numa maneira para permitir que seus jogos possam ser aproveitados por meio de diversos dispositivos, usando a tecnologia em nuvem.

Wilson disse também que a Electronic Arts vê os serviços de assinatura como a “melhor maneira sem atrito de acessar conteúdo”. Por causa disso, embora a empresa planeje continuar oferecendo seus jogos por meio de todos os modelos de negócio que os jogadores querem, espera-se com mais afinco em direção das assinaturas, fazendo com que esses serviços se tornem uma parte “muito mais significativa” dos negócios dela e talvez até a maior parte daqui alguns anos.

Jorgensen complementou dizendo que a estratégia de assinaturas da Electronic Arts irá “evoluir rapidamente” e entre este ano e o próximo começaremos a ver novas coisas saindo para os serviços, como novos jogos third party ou até mesmo lançamentos.

Via DualShockers