Share Button

Na semana passada, o diretor da Tango Gameworks, John Johanas, disse em um vídeo publicado pela Bethesda que The Evil Within 2 terá “muito mais terror psicológico” do que o antecessor, e agora a mente por trás do game, Shinji Mikami, recomenda que o jogo seja jogado na dificuldade “Casual”.

Conversando com a revista Famitsu (via Siliconera), Mikami e Johanas falaram sobre alguns dos aspectos do aguardado survival horror, incluindo o fato de que ele não terá uma estrutura baseada em capítulos como no antecessor, o que resultará em menos telas de loading. Foi inserido também um sistema que permite a você criar suas próprias armas. Além disso, o jogo poderá ser jogado de diversas maneiras, havendo até mesmo um elemento que permitirá a você jogar no seu próprio ritmo.

A novidade mais interessante no entanto é que Mikami recomenda que o game seja jogado no nível de dificuldade “Casual”. Claro, se você preferir poderá optar pelas outras duas dificuldades, “Survival” e “Nightmare”, para um desafio maior.

Não ficou clara a razão pela qual Mikami fez esta recomendação. Será voltada para novos jogadores? Lembre-se que esse cara foi um dos criadores da franquia Resident Evil, então é bom levar seu conselho em consideração.

The Evil Within 2 chega no dia 13 de outubro para PS4, Xbox One e PC.

Via PC Gamer