Share Button
– Um bom simulador de voo para o seu Wii, da mesma equipe da série Ace Combat –

Fazia um bom tempo que eu não jogava um simulador de voo, um gênero deixado de lado nesta geração HD. Mas eis que um belo dia eu pego The Sky Crawler: Innocent Aces para o Nintendo Wii e tive uma grata surpresa. É um dos melhores e mais bem produzidos jogos de simulador que já apareceu no console da Nintendo.

O game é baseado no animê The Sky Crawler (que por sua vez é adaptado da obra de Hiroshi Mori), lançado em 2008 e dirigido por Mamoru Oshii, que já dirigiu outras animações de sucesso como Urusei Yatsura e Ghost in the Shell. Desenvolvido pelo Namco, o mesmo time responsável pela série Ace Combat, foi lançado em 2008 no Japão, mas só agora chega no ocidente através da Xseed Games.

Você irá controlar Lynx, o aviador novato do grupo chamado Sky Crawler, e irá ser testemunha de sua jornada para se tornar um piloto, superar os seus medos e ganhar a confiança de seus colegas de equipe, em busca de um esquadrão que desapareceu misteriosamente. A sua narrativa não apresenta nada de surpreedente ou inovador, mas é boa o suficiente para despertar o seu interesse. As fases são intercaladas com belas sequências de animação, desenvolvendo e apresentando os demais personagens, juntamente com o progresso do herói do jogo.

Sky Crawler utiliza bem os controles de movimento do Wii. Com o Remote, conforme você o coloca na posição vertical, a velocidade de seu avião aumenta. Se o deixar na horizontal, poderá estabilizar o avião. O Nunchuk irá servir como manche, operando a movimentação total do avião, além de ser utilizado para disparar a metralhadora e para uma arma alternativa que o seu avião pode transportar, como se você estive num cockpit.

São 18 missões no total, e as primeiras são bem tranquilas, que não vão exigir muito da sua execução de movimentos. Mas a medida que você for avançando, a dificuldade aumenta, e em missões mais adiantadas vão exigir mais firmeza nas manobras de perseguições e evasivas, e uma boa mira para acertar os seus inimigos e sair vitorioso. Ao começar uma missão, você irá pilotar seu avião seguindo orientações na tela até alcançar os seus inimigos e a batalha aérea começar. As missões são variadas, mas nada que fuja do tradicionao, como escoltar um avião com um importante passageiro, destruir aeronaves inimigas em um determinado tempo, explodir com bases inimigas e assim por diante

Visualmente o game apresenta cenários bem construídos, com um bom grau de detalhes e realismo. Os aviões são bem feitos, com um design bacana que lembra a Segunda Guerra Mundial (pode esquecer os caças ultra modernos equipados com misséis teleguiados  por calor e radar). Tanto os céus como a vista das superfícies dos terrenos são bem atraentes e convincentes. Durante os combates, há várias animações que aparecem automática e rapidamente, dependendo das sua manobras. Você tem ao seu dispor uma barra TMC (Tacticalo Maneuver Commands) que permite você travar automaticamente em um inimigo,  o que pode te poupar tempo e paciência na perseguição de inimigos mais agéis e dificeis de se matar.

As músicas são muito boas, algumas bem dramáticas e tensas, e te deixam no clima certo para perseguir aeronaves inimigas, com muitos e excelentes efeitos sonoros que complementam a sonoplastia. Os seus colegas de esquadrão conversam com você o tempo todo, a dublagem está convincente e cria uma atmosfera única e emocionante durante os combates.

Não é um jogo muito longo, mas oferece alguns extras atraentes que ampliam seu fator replay, como um modo para dois jogadores, itens destráveis e aeronaves que oscilam do caça tradicional ao pesado bombardeiro, sendo possível customizá-los com peças que tornam os aparelhos melhores para os confrontos.