Share Button

Divulgação

Takashi Mochizuki, jornalista do The Wall Street Journal, revelou que a Sony não lançará o PlayStation 5 por pelo menos mais 12 meses, empurrando ainda um provável lançamento para abril/maio de 2020.

A declaração faz parte do relatório dos resultados do ano fiscal, que revelaram que 2018 foi o ano mais lucrativo de toda a história da companhia japonesa – em todos os setores, incluindo a divisão de games.

Também foi divulgado que o serviço de streaming PS Now teve um crescimento de 40% desde o seu lançamento, que agora conta com mais de 700 mil usuários. A expectativa é que o serviço chegue em breve ao Brasil.

Por fim, os lucros das vendas de consoles do ano passado, que chegam a 31,1 bilhões de ienes, serão investidos na produção do PS5.