Share Button

Uma nova atualização chegou ao Steam e visa bloquear usuários de comprarem jogos de outras regiões usando VPN, método utilizado para adquirir títulos por preços menores do que os aplicados nos seus próprios países.

Conforme informado no Twitter da página Steam Database, esta atualização irá requisitar que o usuário compre itens utilizando um método de compra aceito apenas no país de origem da conta para comprovar que realmente está em uma nova região. Dessa forma, por exemplo, uma conta ou método de pagamento registrado nos Estados Unidos não servirá para comprar jogos da loja do Brasil, e vice-versa. Até então, usuários utilizavam VPNs para driblar isso, mas aparentemente este método não funcionará mais.

Essa prática acaba prejudicando países como Argentina, Turquia, Colômbia e até mesmo Brasil, que podem ter preços de certos jogos aumentado pela distribuidora por causa disso. Um exemplo recente foi Horizon Zero Dawn, cujo valor por aqui mais do que dobrou no Steam e Epic Games Store por causa disso, indo de R$ 94 para R$ 200. Na Argentina foi ainda pior, com o preço subindo quase 400% (via VG247) graças a esse tipo de usuário, que utilizou a VPN para comprar o jogo.

Por fim, usuários do Steam que efetivamente mudarem de país ou pretendem ficar morando no exterior por um longo período de tempo, terão a opção de alterar a região de sua conta assim que fizerem uma compra usando um método de pagamento aceito apenas neste novo local.

Via GamesIndustry e Destructoid