Share Button

O final de semana foi agitado para os fãs de esports e o GameHall montou um resumão do que aconteceu nas principais competições ao redor do mundo. Confira:

JSchritte campeão mundial de TFT no Twitch Rivals

O brasileiro da Cloud9 Juan “JSchritte” sagrou-se campeão mundial de TeamFight Tatics (TFT) no Twitch Rivals que aconteceu durante a TwitchCon, uma conferência realizada pela Twitch para os streamers, jogadores e influenciadores que trabalham com a plataforma. Rumay “Hafu“, representante da G2, terminou com o vice-campeonato.

O outro brasileiro que disputou o torneio foi Felipe “YoDa“, que substitiu Rafael “Rakin” após o mesmo ser impedido de viajar até o evento devido a problemas envolvendo o seu contrato com a Twitch. YoDa quase chegou na grande final, mas acabou perdendo a vaga para o norte-americano David “dogdog“, que levou a melhor devido aos critérios de desempate.

Brasil conquista o campeonato mundial de TFT no Twitch Rivals (Foto: Divulgação/Twitch)

Evil Geniuses bate Astralis na grande final e conquista a ESL One New York 2019

A Evil Geniuses retornou ao Counter-Strike com o pé direito. A norte-americana conquistou neste domingo (29) o título da ESL One New York após bater a Astralis por 3×1 na grande final. A equipe de Vincent “Brehze” e do ex-MIBR Tarik “tarik” começou a série garantindo vitória nos dois primeiros mapas – 16×3 na Inferno, de escolha dos dinamarqueses e 16×12 na Dust2, sua escolha. O terceiro mapa foi Train, bastante disputado e decidido na prorrogação. Nicolai “device” e cia. conseguiram a vitória por 22×20, mas não tiveram a mesma sorte na Nuke, que terminou em 16×8 a favor da EG.

Além do troféu, a Evil Geniuses faturou a premiação em dinheiro no valor de US$100 mil, mais de R$400 mil na conversão direta. A vice-campeã levou para casa algo em torno de R$166 mil. A medalha de melhor jogador do torneio cedida pelo portal HLTV ficou nas mãos do Brehze, que fechou o torneio com um rating de 1.29.

Evil Geniuses venceu o seu primeiro campeonato no CS:GO (Foto: Divulgação/HLTV)

San Francisco Shock fatura o título da Overwatch League 2019

Aplicando um sonoro 4×0 em cima da Vancouver Titans na grande final do torneio, a San Francisco Shock sagrou-se campeã da Overwatch League 2019.

A disputa entre as equipes começou em Torre Lijiang (controle), mapa que terminou 2×0 a favor do time de São Francisco. Em Eichenwalde (híbrido) e Templo de Anúbis (assalto), a briga pelos pontos foi mais acirrada, mas no final, quem levou a melhor foi a San Francisco Shock, que garantiu a vitória por 3×4 nos dois mapas. A série terminou em Observatório: Gibraltar (escolta) com um 3×2 que cravou de vez o título para a equipe do estadunidense Jay “sinatraa“, que levou o prêmio de melhor jogador do campeonato.

San Francisco Shock é a grande campeã da OWL 2019 (Foto: Divulgação/Overwatch League)

Gregio será o representante brasileiro na etapa mundial do Red Bull Player One 2019

Lucas “Gregio” venceu Leonardo “Venrar” por 4×0 em uma série melhor de sete partidas (MD7) e conquistou o bicampeonato da edição brasileira do campeonato de x1 Red Bull Player One. O confronto aconteceu no último sábado (28) nos estúdios da Riot Games em São Paulo. O título não rendeu a Gregio apenas um troféu; o brasileiro representará o país na etapa mundial do Red Bull Player One 2019.

É a terceira edição que o brasileiro será o representante brasileiro na competição, que acontecerá entre nos dias 30/11 e 01/12, contando com a participação de 32 competidores.

Gregio segurando o troféu de campeão das finais brasileiras do Red Bull Player One 2019 (Foto: Bruno Alvares/Riot Games)