Share Button

Kevin Feige, o chefão do universo cinematográfico da Marvel, revelou alguns detalhes intrigantes em recente entrevista sobre a Capitã Marvel, a primeira personagem feminina a ganhar um filme solo da editora – que ainda não possui diretor (a).

Nós não achamos que é absolutamente essencial que seja uma mulher [para ser a diretora], mas achamos importante que seja, são coisas diferentes. Estamos sempre procurando novas vozes, e o bacana é que mesmo as pessoas com quem nos reunimos que não serão escolhidas para esse projeto podem voltar em um projeto futuro. Estamos estabelecendo relacionamentos”, comentou Feige sobre a busca do diretor (a).

Uma das coisas mais bacanas da Capitã Marvel é que ela será, de longe, a heroína mais poderosa que já introduzimos. Homem ou mulher. O centro da história que estamos escrevendo para ela é sobre achar suas vulnerabilidades, porque ela é tão todo-poderosa. Carol tem uma história curiosa, e acho que encontramos uma forma bacana de contá-la“, disse ainda.

A atriz Brie Larson vai dar vida a heroína nos cinemas, que tem estreia prevista apenas para 2019. Mas antes disso, a atriz deve fazer sua estreia no Universo Cinematográfico Marvel em “Vingadores 3: Guerra Infinita“, atualmente em pré-produção e que chega em 2018.

A personagem, também conhecida como Carol Danvers, surgiu nos quadrinhos em 1977 como a heroína Miss Marvel, após ter ganho poderes sobre-humanos, como super força e habilidade de voar, devido a exposição à tecnologia da raça alienígena Kree (ela inclusive teve seus poderes sugados permanentemente pela Vampira dos X-Men). Atualmente é uma das integrantes dos Vingadores, sob o novo nome de Capitã Marvelenquanto o papel de Miss Marvel agora é desempenhado pela jovem Kamala Khan, desde 2014.