Share Button

A Sledgehammer Games deixou claro que Call of Duty: WWII retratará eventos da 2ª Guerra Mundial da forma mais autêntica possível.

Para ajudar nisso, solicitaram ajuda do historiador Martin Morgan, que escreveu os livros “Down To Earth: The 507th Parachute Infantry Regiment in Normandy” em 2004 e “The Americans on D-Day: A Photographic History of the Normandy Invasion” em 2014 a respeito do tema, além de ter entrevistado mais de dois mil veteranos. Ele também faz regularmente turnês por campos de batalha através da Europa.

Em um dos artigos que apareceram na edição de julho da revista EDGE, Morgan disse que Call of Duty: WWII pode acabar se tornando a maior coisa que já aconteceu no que se diz respeito a criar algo que apresente com ressonância o que aconteceu na 2ª Guerra Mundial.

Ele afirma que atualmente este assunto está sendo trazido para uma grande audiência que não tem memória viva sobre a guerra, pois não possuem, por exemplo, um avô que tenha lutado nela.

“Eu escrevi dois livros; ninguém os leu. Estamos vivendo em um mundo onde as pessoas leem cada vez menos. O que irá substituir isso? Projetos como este [Call of Duty: WWII], que possuem fortes temas emocionais, e também fortes temas educacionais.”

“Eu tenho a iminente sensação de que este [Call of Duty: WWII] será grande. Pode vir a ser a maior coisa que já aconteceu para este assunto. Não estou dizendo isso porque me tornei um garoto-propaganda da Sledgehammer Games. Eu digo isso porque uma coisa que já sabemos definitivamente é que isso será grande. Irmãos de Guerra (Band of Brothers) foi lançado em 2001; O Resgate do Soldado Ryan (Saving Private Ryan) foi lançado há 20 anos. Não havia um universo de mídias sociais naquela época, e agora há.”

Sem dúvida as expectativas com Call of Duty: WWII estão altíssimas. As pré-vendas começaram tão bem que a Activision disse que a negatividade que afetou Infinite Warfare “virtualmente evaporou”.

Os desenvolvedores disseram que a história no game será contada dentro do próprio jogo na maior parte do tempo, ao invés de com cutscenes, o que deverá aumentar a imersão.

Call of Duty: WWII chega no dia 3 de novembro para PS4, Xbox One e PC.

Via Wccftech