Share Button

A franquia de ficção científica militar StarCraft, criada por Chris Metzen e James Phinney, continua fazendo sucesso, mesmo depois de mais de duas décadas de existência.

O jogo da Blizzard Entertainment tem como storytelling a luta pela dominação da galáctica entre os adaptáveis e móveis Terrans, os insectoides Zergs, e os enigmáticos Protoss.

A série principal da franquia é dividida da seguinte forma: StarCraft, o pacote de expansão StarCraft: Brood War, e as continuações StarCraft II: Wings of Liberty, StarCraft II: Heart of the Swarm e StarCraft II: Legacy of the Void, que fecha a trilogia de StarCraft II.

StarCraft na Blizzcon ©2014 Kevin Chang

Juntamente com Warcraft, Diablo, Hearthstone e Overwatch, StarCraft, faz parte de um dos maiores e mais esperados eventos do mundo gamer, a BlizzCon. Uma convenção anual em que a Blizzard Entertainment apresenta as novidades que estão por vir para as suas franquias de sucesso.

A base de fãs da franquia é tão grande, que além das extensões e spin-offs, existem oito romantizações, um jogo de tabuleiro, estátuas colecionáveis, brinquedos e outros jogos que são considerados como parte dela.

Segundo o site americano Metacritic, especializado na avaliação de produtos de entretenimento, todos os jogos da marca possuem mais de 80% de aprovação, sendo que, StarCraft II: Wings of Liberty conta a impressionante marca de 93%.

A série de jogos é uma das preferidas de diversos influenciadores do público gamer e até para quem não é considerado tão dentro da bolha assim, como o Leon Martins, do Canal Coisa de Nerd e Cadê a Chave, um dos Youtuber mais influentes desta geração.

O jogo rapidamente virou um sucesso global, como diversos campeonatos e competições, principalmente na Coreia do Sul, alcançando a posição de um dos mais adorados e usado como um pilar para a criação do e-Sport, juntamente com outras franquias, como Counter-Strike, League of Legends, Dota, dentre outros.

O sucesso do e-Sport é visível até para quem está fora do mundo gamer, como diversos eventos e competições com premiações altíssimas, que permitem o surgimento de diversos times e dos pro-gamers.

A modalidade não atraiu a atenção somente dos jogadores, mas também de uma nova leva de investidores, os trades esportivos. Basicamente, o traders são chamados de apostadores, que fazem investimentos em sites de apostas.

As apostas vêm crescendo e ganhando cada vez mais espaço no Brasil, seja para o Tarde Esportivo, que investe em esportes como futebol, basquete, corridas, dentre outros, até para o trader de e-Sport.

Ainda assim, existem algumas dicas e truques sobre como apostar no e-Sport, onde, basicamente, tudo parte de um cálculo matemático que considera o número de acertos, margem de lucro e valor investido. Se a ideia é extrair lucro com e-Sport, como StarCraft, considere todos os fatores envolvidos, como riscos e curva de aprendizado.

Esta modalidade de apostas se chama Trade, que funciona basicamente como no mercado de investimento, onde após uma análise e estudo da situação e dos riscos, o trader faz a sua escolha nas próximas variações.

Existem diversos sites de apostas em e-Sport, cada um com o seu atrativo, sendo que, grande parte destes estabelecimentos virtuais, oferecem bônus para novos cadastros. Fique atento aos bônus, se divirta e bons jogos!