Share Button

O relatório anual divulgado pela Entertainment Software Association (ESA) esta semana contém algumas informações interessantes a respeito do mercado de jogos nos Estados Unidos.

Primeiramente, o relatório diz que 67% dos lares norte-americanos tem um dispositivo para games, com 65% dos lares tendo ao menos uma pessoa que joga no mínimo três horas por semana. Os PCs ficam no topo da lista com 97%, smartphones vem logo em seguida com 81%, depois os consoles com 48% e por último a Realidade Virtual com 11%, sendo mais jogada através de aparelhos mobile.

Falando de RV, um em cada três dos “gamers mais assíduos” provavelmente comprarão um dispositivo deste tipo no ano que vem, segundo a ESA.

De uma perspectiva demográfica, pessoas do sexo masculino entre 18 e 35 anos representam a maior parte dos jogadores de videogame (35%). No caso da população feminina nessa faixa etária, o número fica em 21%. O relatório também revela que existem mais mulheres adultas que jogam do que meninos com 18 anos ou menos.

Adicionalmente, o relatório diz que metade dos 20 jogos mais vendidos nos Estados Unidos em 2016 receberam a classificação etária “M for Mature”, ou seja, tratam-se de títulos voltados ao público adulto. Falando destes jogos em específico, 27,5% são de tiro, 22,5% de ação e 12,9% RPGs.

Via DualShockers