Share Button

steamlogo

Sim, é isso mesmo que você leu. Aproximadamente 77 mil contas são hackeadas todo mês no Steam, de acordo com a Valve.

A Valve revelou este dado alarmante em uma postagem no blog do Steam, no qual é dito também que os roubos de conta aumentaram em surreais 20 vezes, ou cerca de 2000% desde que foi lançado o sistema de trocas há quatro anos.

“Ter sua conta roubada, e seus itens trocados, é uma experiência terrível, e nós odiamos que isso tenha ficado mais comum para nossos clientes,” disse a Valve.

Até o momento, a solução da empresa havia sido duplicar os itens roubados para as pessoas prejudicas, longe de ser algo ideal, já que acaba desvalorizando o item.

Mais medidas foram tomadas já que apenas isso não resolveria o problema. A produtora informou que melhorou como e quando informa aos usuários que sua conta está em risco, além de ter introduzido um sistema de trava automática e dois autenticadores via Steam Guard.

Mesmo assim, as contas continuam sendo hackeadas, em parte porque existem usuários que não fazem uso dos novos recursos de segurança, segundo informou a empresa.

Pensando até mesmo em eliminar de vez o sistema de trocas, a Valve acabou decidindo tomar três atitudes para combater o hackeamento:

  • Qualquer um que perca itens em uma troca precisará ter o Autenticador Móvel do Steam Guard ativado em sua conta por pelo menos 7 dias e ter a confirmação de trocas ligada. Caso contrário, os itens ficarão retidos pelo Steam por até 3 dias antes de serem entregues.
  • Caso você faça uma troca com alguém que é seu amigo por pelo menos 1 ano, os itens ficarão retidos pelo Steam por até 1 dia antes de serem entregues.
  • Contas com o Autenticador Móvel ativado por pelo menos 7 dias terão mais restrições para fazerem trocas ou usarem o Mercado quando estiverem usando um novo aparelho já que trocas neste novo aparelho serão protegidas pelo Autenticador Móvel.

Valve admite que não são medidas perfeitas, e que elas poderão ter um “grande impacto” nas trocas.

“Sempre que implementamos medidas de segurança entre as ações dos usuários e seus resultados desejados, nós estamos dificultando o uso de nossos produtos,” disse a Valve. “Infelizmente, esta é uma daquelas ocasiões em que nos sentimos forçados em inserir uma medida ou desligar tudo de uma vez. Pedir aos usuários para por uma senha para logar nas suas contas não é algo no qual gastemos muito tempo pensando hoje, mas o princípio é basicamente o mesmo – um custo de segurança que nós pagamos para garantir que o sistema funcione. Nós demos nosso melhor para que o custo disso fosse o menor possível, para o menor número de pessoas possível, e ao mesmo tempo mantendo sua eficiência.”

Via GameSpot