Share Button

A destruição causada pelo maior terremoto da história do Japão, ocorrido na última sexta-feira (11), trouxe o caos e uma série de vítimas para o país. A indústria de games, embora não tão relevante quando comparada aos outros problemas e tragédias que o país passa, também sofreu consequências, como uma série de adiamentos e cancelamentos de vários jogos.

A produtora Irem anunciou o cancelamento de “Disaster Report 4: Summer Memories”, jogo para PlayStation 3 previsto para o segundo trimestre de 2011, que mostram desatres naturais como terremotos e tsunamis atingindo cidades japonesas.

A Sega confirmou que “Yakuza: Of the End”, que mostra uma infestação de zumbis em um Japão caótico e pós-apocalíptico, foi adiado indefinidamente. O título estava agendado para ser lançado nesta semana.

A destruição e terremotos do jogo de corrida “MotorStorm: Apocalypse” da Sony, também previsto para ser lançado nesta semana, foi adiado para uma outra data ainda a ser anunciada. A empresa também comunicou que parou o serviço de informações e reparações PlayStation, e avisou que os usuários podem sentir dificuldades de conexão com a rede PlayStation Network.

A Microsoft por sua vez, cancelou uma turnê promocional chamada “Kinect Experience Caravan Car Event”, no qual caminhões iriam levar o acessório de movimentos corporais Kinect em várias cidades do país. A empresa também anunciou atraso para o pacote de expansão “Dragon Age Origins: Awakening” e dos pacotes “Xbox Live 12 Month Gold Starter Kit” e “Xbox Live 3 Month Gold Membership”.

Já a Square Enix confirmou o encerramento temporário dos servidores de “Final Fantasy XI” e “Final Fantasy XIV”, bem como os serviços PlayOnline, com o intuito de se conservar energia para emergências, confirma explica nota divulgada. A rede “Metal Gear Online” também encerrou suas atividades pelo mesmo motivo.

Por fim, a Capcom adiou o pacote de personagens extras para “Marvel vs. Capcom 3”, que traz os personagens Jill Valentine e Shuma-Gorath, que seriam lançados esta semana na Xbox Live e PlayStation Network.

Ajuda financeira

Visando a reconstrução dos locais atingidos pelo tsunami, diversas empresas da indústria fazem campanha de doações para os desabrigados. A Nintendo e a Sony divulgaram que doaram 300 milhões de ienes (cerca de US$ 3,6 mi), sendo que a fabricante de eletrônicos também cedeu 30 mil rádios.

A Namco Bandai doou 100 milhões de ienes e declarou que vai fechar todos os Arcades para ajudar na economia de energia do país. Já a 5pb, uma das grandes empresas de jogos para aparelhos da Apple, cortou o preço do jogo “Memories Off 6 T-Wave” para 350 ienes (US$ 5) e até o dia 31 de março vai converter toda a renda do game para a caridade.

A costa nordeste do Japão foi atingida por um terremoto de magnitude 8,9, o maior já registrado no país, nesta última sexta-feira (11). O terremoto ocorreu às 14h46 da hora local (2h46 no Brasil), e teve seu epicentro no Oceano Pacífico, a 130 quilômetros da península de Ojika e uma profundidade de 24,4 quilômetros, formando tsunamis de até 10 metros de altura, segundo informações do Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês).