GamesNotícias

Call of Duty: Trapaceiros agora podem ser banidos em “jogos anteriores, atuais e futuros” da franquia

Um aviso aos trapaceiros de plantão em Call of Duty. A Activision atualizou sua política de segurança e declarou que “violações extremas ou frequentes” poderão resultar na suspensão permanente de suas contas em todos os jogos da série Call of Duty, incluindo até mesmo aqueles que ainda não foram lançados.

A novidade foi avisada por meio de uma atualização de status no Ricochet, a nova ferramenta antitrapaças da Activision, lançada com Call of Duty: Vanguard e que chegará em dezembro em Warzone.

“Todos os nossos esforços antitrapaças estão focados em combater o jogo injusto e preservar a experiência do jogador,” diz o texto. “Lançar as atualizações de servidor como parte do sistema Ricochet antitrapaças é o primeiro passo em nossa nova iniciativa de segurança antitrapaça e estamos trabalhando duro para tornar as coisas as mais frustrantes possíveis para os trapaceiros.”

“Violações extremas ou frequentes da política de segurança – tais como trapacear dentro do jogo – podem resultar em uma suspensão permanente de todas as contas,” disse a Activision. “Adicionalmente, qualquer tentativa de esconder, disfarçar ou ofuscar sua identidade ou a identidade do seus dispositivos de hardware também podem resultaram em uma suspensão permanente.”

“Suspensões permanentes causadas por infrações de segurança podem agora ser aplicadas em toda a franquia, incluindo Call of Duty: Vanguard assim como quaisquer jogos anteriores, atuais e futuros da série Call of Duty.”

Artigos relacionados