Share Button

Há alguns dias surgiu na internet a tocante história de uma vovó com 95 anos de idade e um Game Boy, contada por sua filha, Kuniko Tsusaka, de 70 anos, em uma carta enviada ao Asahi Shimbun, um dos jornais mais populares do Japão.

A carta foi divulgada no Twitter pelo usuário @SITM_K e se tornou viral, tendo no momento desta publicação mais de 199 mil curtidas e 67 mil compartilhamentos.

Nela, Tsusaka diz o quanto sua mãe adorava jogar Tetris no seu modelo original do Game Boy, estando sempre com ele por perto. Infelizmente, um dia sua mãe ficou doente e ao mesmo tempo, o portátil havia deixado de funcionar. Foram em muitas lojas atrás de outro, mas por ser um aparelho muito antigo, não conseguiram encontrar. Também lhes foi dito que o Game Boy dela não tinha como ser consertado.

Foi então que o filho de Tsusaka comentou sobre o ótimo suporte da Nintendo com sua avó. Decidiram, portanto, enviar uma carta à empresa sobre essa situação. Uma semana depois da carta ser enviada, a Nintendo respondeu, juntamente com um Game Boy novinho em folha.

Na carta, a empresa japonesa explicou que não conseguiu consertar o portátil pois não possuía mais peças disponíveis para isso, mas tinha um Game Boy novo em seu estoque, e então decidiu enviar para ela.

Tsusaka, na ocasião, disse que sua mãe ficou incrivelmente feliz e até enviou uma foto dela à Nintendo. No final da história contada ao jornal, ela menciona que sua mãe manteve sua consciência cognitiva até o momento de seu falecimento, aos 99 anos, e acredita que ela, onde quer que esteja, continua muito grata pelo que a Nintendo fez.

Via Sora News 24